publicidade

O hospital garante continuar a reunir “todos os esforços para contratar recursos humanos para assegurar o normal funcionamento”.

Esta terça-feira, dia 3, o Centro Hospitalar do Oeste (CHO) informou que “não dispõe de recursos humanos suficientes” na urgência Pediátrica da Unidade de Torres Vedras para o “para preenchimento da escala respetiva entre as 9h de 3 de janeiro e as 9h de 4 de janeiro”.

Segundo o mesmo comunicado, é recomendado aos utentes que não se desloquem à Urgência Pediátrica desta unidade durante o período em questão, sem contacto prévio com a Linha SNS 24 (808 24 24 24), que disponibiliza aconselhamento e encaminhamento em situação de doença e medicação.

Em caso de confirmação pelo SNS 24 da necessidade de deslocação à Urgência Pediátrica, “devem dirigir-se à unidade das Caldas da Rainha, outra unidade que faz parte deste centro hospitalar“.

O CHO diz ainda que “os utentes que recorram aos cuidados de saúde primários, dirigindo-se ao seu centro de saúde para serem assistidos pelo seu médico de família, ou pelo seu médico assistente“.

De acordo com o organismo que gere os três hospitais públicos oestinos, este procedimento é “utilizado há anos na gestão da procura pelo SNS, salvaguarda o atendimento, assegurando a resposta e o funcionamento em rede”.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here