publicidade

Basquetebol : XIV Campeonato da Proliga – 2ª Fase Grupo B ( 8ª jornada) 

              FÍSICA “A” COM VITÓRIA ESMAGADORA CONTRA O 1º CLASSIFICADO ATINGE SÉRIE DE 5 VITÓRIAS CONSECUTIVAS. 

              Jogo do dia 11/03/2017 às 21:00, no Pavilhão Dr. José Maria Antunes em Torres Vedras.                                                          

Arbitros : José Abreu e José Lopes.

FÍSICA “A”                                       107                               

Miguel Bento 0; Carlos Dias 13; Miguel Salvador 18; Nuno Monteiro 10; Miguel Sousa 0; Frederico Tavares 29; Pedro Bagio 18; João Raposo 0; Tiago Filipe 2; Ricardo Robalo 14; José Maria Saccás 3.

ANGRA BASKET                              75                                                              

Alexander Kravtsov 8; Rodrigo Piedade 2; Hugo Pola 0; Deshaunt Walker 25; Flávio Gomes 23; Marcelo Cardoso 0; Filipe Vieira 0; Milton Moreira 9; Luca Silvestri 0; Tiago Diniz 0; Ricardo Mendes 8.

Ao intervalo 54 – 36. Parciais 28 – 17, 26 – 19, 26 – 22, 27 – 17.

A Física “A” na oitava jornada desta fase do Campeonato da Proliga, tinha um encontro contra o primeiro classificado, Angra Basket, equipa dos Açores onde jogam um atleta Americano e um Russo. Foi um dos melhores encontros desta época da equipa da Física, não só pelo volumoso resultado conseguido, assim como pelo jogo colectivo apresentado pelos atletas do Romero Júnior. Realmente a equipa está num bom momento de forma e continuando da mesma forma nas restantes 6 finais que faltam, acreditamos que os resultados vão aparecer, premiando o esforço de todos, contra todas as adversidades desta época, garantindo a manutenção na Proliga.

A partida mais uma vez começou da melhor forma para “Física A”, vencendo os 1º e 2º periodos por 28 – 17, e 26 – 19 respectivamente. Ao intervalo as duas formações foram para os balneários com a Física em frente ao marcador , por 54 – 36 (18 pontos de vantagem). Após o intervalo e com o ritmo do jogo bastante elevado, os Torrienses não baixaram o seu ritmo, não permitindo ao adversário pegar no jogo. É de salientar que os únicos atletas da equipa dos Açores mais ativos eram o Americano Deshaunt Walker e Flávio Gomes, mas que não eram suficientes para conduzir os seus colegas, e reagirem ao jogo colectivo dos Torrienses. Desta forma o 3º periodo por naturalidade foi vencido pela “Física A”, por 26 – 22 e o resultado do encontro nesta fase estava 80 – 58. No último período, e apesar de Romero Júnior fazer rodar os atletas mais jovem da equipa, o ritmo do jogo não baixou, e os mais jovens atletas da Física entraram contagiados pelos seus colegas mais experientes, e venceram o último período do encontro por 27 – 17, atingindo o maior resultado desta época, 107 – 75 (32 pontos de vantagem). É de salientar que a equipa da Física foi muito consistente ao longo do encontro marcado 28, 26, 26 e 27 pontos em cada período, um elevado índice de assertividade, ganhou 37 ressaltos, 12 ofensivos e 15 defensivos e com as 21 assistências, que esta época deve ter sido o recorde em assistências, demonstrou maior entrosamento dos seus atletas e um elevado índice colectivo, características que permitiram esta vitória gorda na reta final do campeonato.

Entre os seus atletas é de destacar o Frederico Tavares com 29 pontos marcados, 12 dos quais foram conseguidos da linha de lançamento de 3 pontos, 100% em lances livres e 5 ressaltos. Miguel Salvador com 18 pontos, 7 ressaltos e 4 assistências, Pedro Bagio também com 18 pontos , 9 ressaltos, Ricardo Robalo com 14 pontos, 100% nos lances livres e 8 assistências, Carlos Dias com 13 pontos, 12 foram marcados da linha de 3 pontos e 6 ressaltos e por fim Nuno Monteiro com 10 pontos, dos quais 6 da linha de 3 pontos e 3 assistências. Romero Júnior , continua com uma tarefa importante em manter além da preparação física, o nível de concentração bastante elevado, a vontade de ganhar, ou seja a outra parte importante, a parte psicológica dos seus atletas. Todos sabemos que existe qualidade suficiente, basta que os nossos atletas mostrem nos próximos encontros, além da qualidade a sua vontade de vencer. Desta forma, poderão deixar esperanças nos próximos encontros que se seguem, continuando lutar para conseguir a manutenção na Proliga.

 

Na 9ª jornada da Proliga 2ª Fase – Grupo B, Física desloca-se a Belém, para o encontro de contas contra Os Belenenses, no Domingo dia 19/3/2017, às 15:00. Neste encontro para Física só conta a vitória, porque entre os Torrienses e Os Belenenses, uma das duas equipas irá acompanhar a Academia do Lumiar para o escalão inferior da modalidade.

             Resultados da 8ª jornada : 

Casino Ginásio – Guifões SC                                    80 – 74

Aliança Sangalhos – AD Sanjoanense          66 – 68

Academia do Lumiar – Os Belenenses         45  – 64

Classificação 2ª fase Grupo B  8ª jornada da Proliga : 

                                                                  J            V         D           P

  1. Angra Basket                            22          12        10        34            
  2. Casino Ginásio                         22          10        12        32
  3. AD Sanjoanense                      22          10        12        32
  4. Os Belenenses                          22          10        12        32  
  5. Aliança Sangalhos                  22           9          13        31
  6. Física “A”                                   22           8          14        30          
  7. Guifões SC                                 22           6          16        28                                                                           
  8. Academia do Lumiar             22           4          18        26
publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.