63 Escolas do distrito de Lisboa distinguidas com o selo
publicidade

Das 63 escolas distinguidas, quatro pertencem ao concelho de Torres Vedras.

Foram 63 as escolas do distrito de Lisboa que viram os seus projetos distinguidos com o selo Escola Amiga da Criança, na primeira edição desta iniciativa da Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP), da LeYa e do Psicólogo Eduardo Sá, que visa distinguir escolas que concebem e concretizem ideias extraordinárias para um desenvolvimento mais feliz da criança no ambiente escolar.

Das 63 escolas distinguidas, quatro pertencem ao concelho de Torres Vedras: EB 1/JI Varatojo, com o projeto Noite na Escola na categoria Formação cívica; EB 2,3 do Maxial, com o projeto A Lei da Gravidade Rega o Laranja na categoria Atividades extracurriculares; EB Padre Vítor Melícias – Farol, com o projeto A Família faz parte da Escola todos os dias na categoria Envolvimento da família e comunidade educativa e por fim a ESCO – Escola de Serviços e Comércio do Oeste, com o projeto Espaço de Serviço Social e Não somos anjos, somos solidários nas categorias Envolvimento da família e comunidade educativa e Formação cívica, respetivamente.

O Agrupamento Jardim-Escola João de Deus, que conta actualmente com 40 Jardins Escolas em actividade no território nacional, também foi distinguido com o projeto História Coletiva na categoria Envolvimento da família e comunidade educativa.

Até ao dia 5 de abril, direções, professores, pais e alunos de escolas podem candidatar-se à segunda edição da iniciativa Escola Amiga da Criança, que reconhece, partilha e estimula projetos educativos nas seguintes categorias: Alimentação, Saúde e Ambiente; Cidadania, e/ou inclusão; Digital; Envolvimento família/comunidade; Espaços Escolares; Segurança; e Atividades extracurriculares e/ou interdisciplinares.

Podem participar todas as escolas portuguesas – públicas ou privadas, do pré-escolar ao Ensino Secundário e Profissional; Podem ser submetidos todos os projetos desenvolvidos e/ou implementados entre 2015 e 2019; Podem concorrer com projetos da edição anterior, desde que tenham tido continuidade no presente ano letivo; Pode, ainda, com o mesmo projeto concorrer a várias categoria, bastando selecionar as categorias pretendidas.

As candidaturas podem ser submetidas através do site https://www.leyaeducacao.com/escolaamigadacrianca/ que posteriormente serão
analisadas por um júri.

O vencedor do projeto ganha cinco mil euros em livros LeYa, o projeto distinguido em cada categoria ganha 500 euros também em livros LeYa para as bibliotecas das escolas e ainda a distinção/selo para todas as escolas cujos projetos se distingam.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here