A liderança não passa pela televisão