publicidade

A equipa sub-23 da Academia Joaquim Agostinho iniciou no passado fim -de-semana o período de pré-época com um estágio de dois dias em Torres Vedras.

O plantel para 2016 já está fechado e conta com quatro corredores que transitam da época anterior: João Letras, João Outeiro, Pedro Brás e Miguel Santos. Quanto às novidades, Luís Mendonça, que corria na equipa espanhola CC Spol, é a grande aposta. Contudo , a equipa vai ainda contar com um vasto leque de ex-juniores que são considerados os melhores da região centro e sul do nosso país. São eles: Marvin Scheulen, Diogo Tavares e Emanuel Duarte, ex Matoscheirinhos, Gonçalo Leaça, ex GD Paio Pires e Tiago Antunes, ex SCEB Bombarralense. A equipa também contratou Rafael Apolinário da Liberty Seguros/Carglass.

No primeiro estágio de pré-época os ciclistas tiveram dois dias bastante preenchidos. No sábado realizaram exames médicos e ainda se deslocaram ao Ginásio Clube O’Hara para fazerem análises de gordura corporal. O dia terminou com uma aula de spinning no Ginásio Factor Físico e, antes de rumarem ao centro de estágio – Residencial O Braga – os atletas foram conhecer as bicicletas que os vão acompanhar na nova época, as Scott Adict 20. Estas novas “máquinas” foram adquiridas pela equipa com o apoio da importadora desta marca, Stand Jasma.

O último dia do estágio foi ocupado com um treino ligeiro de 100 quilometros, feitos sob condições meteorológicas bastante adversas, chuva e frio.

O director desportivo da equipa, Hugo Lúcio, destaca o facto de a equipa ter vários ciclistas que foram referência no escalão junior ao longo da época passada. “Se continuarem a evoluir como tem feito até aqui, temos uma equipa de referência do ciclismo naci onal em
2017”, concluiu.

Além destas conquistas, a equipa sub-23 da Academia Joaquim Agostinho conseguiu ainda colocar numa equipa de elite um dos seus atletas da época passada. Nuno Almeida foi contratado pela Efapel para a próxima época e na altura da despedida agradeceu todo o apoio que lhe foi dado pela estrutura da equipa ao longo de 2015. Além desta transferência, a equipa cedeu ainda um outro atelta à Efapel, António Barbio, que já tinha assinado com a Academia Joaquim Agostinho para 2016, mas acabou por rumar à equipa coordenada por Américo Silva, depois de ter rescindido amigavelmente contrato com a equipa torriense.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.