publicidade

Noventa mil pessoas marcaram presença em mais uma edição do Santa Cruz Ocean Spirit powered by Blue. Foram dez dias de desporto e concertos, que marcam aquele que é, inconfundivelmente, o maior festival internacional de desportos de ondas. Ao longo de mais de uma semana decorreram competições nacionais e internacionais de surf, longboard, bodyboard, skimboard, kayaksurf, waveski, e stand up paddle (SUP). Mais de 400 atletas “invadiram” a Aldeia Neptuno e o resultado não podia ser melhor. E por isso mesmo já se prepara a 10.a edição do evento, em 2016. Será de 15 a 24 de julho, mais uma vez na Praia do Centro, em Santa Cruz, Torres Vedras.

Para fechar esta 9.a edição com chave de ouro, recordamos-lhe agora os grandes vencedores de cada uma das provas. No surf, a segunda etapa do Campeonato Nacional Pro Júnior sagrou como campeões nacionais o jovem atleta da Ericeira Tomás Fernandes e a surfista luso- brasileira Carol Henrique. No bodyboard, Marta Leitão e Daniel Fonseca foram os grandes vencedores da segunda etapa do Circuito Nacional de Bodyboard. No que respeita ao stand up paddle (SUP) decorreu em Santa Cruz o Campeonato Nacional de Sup Wave, e o primeiro lugar coube a Rui Fialho.

Passamos agora aos eventos internacionais. No Internacional de Skimboard, o vencedor do Open Masculino foi Ricardo Dias. Na categoria “Masters”, o vencedor foi José Costa, em sub- 14, a vitória coube a João Luz. Quanto aos sub-18, Francisco Vitoriano levou o 1.o prémio. Nas senhoras, no Spirit Skim Girls, a grande vencedora da terceira edição do Spirit Skim Girls foi a havaiana Keiao Bucasas.

No European Kayaksurf Championship, a prova europeia da modalidade, os grandes vencedores foram Edu Etxeberria (na categoria Open HP e Master HP); Odei Etxeberria (Junior HP); Garazi Iturralde (Women HP e Women IC); Gorka Martin (Open IC); Bruno Melo (Master IC); Julen Arrizabalaga (Senior HP); Edu Espinosa (Senior IC); Oier Uruburu (Junior IC). O jovem Odei Etxeberria fez ainda a melhor onda da competição: 10 pontos em dez possíveis.

No World Waveski Surfing Cup, que reúne os melhores do mundo nesta modalidade, os grandes vencedores foram: Diogo Melo (na categoria Cadetes); Maxime Gaborit (Junior); Virgile Hubert (New Age); Gerald McGlinchey (Senior); Kieron Davies (Grand Master); Marty McCann (Master); Clement Guilbert (Open) e Jackie Dillon (Women). As melhores ondas couberam a Virgile Hubert e Maxime Gaborit (10 pontos).

Em Santa Cruz decorreu ainda a 3.a e última etapa do Campeonato Nacional AEE Magicam 2015 Kayaksurf e Waveski . Na categoria kayaksurf HP, Alberto Miguel foi o grande vencedor. Em kayaksurf IC, a vitória foi para André Pinto. Passando para o waveski, o 1.o lugar foi novamente para Alberto Miguel. Na categoria fun – categoria de iniciação, o vencedor foi Jorge Reis. De notar que foi ainda entregue o prémio Best Wave (melhor onda) a Bruno Melo, que fez uma pontuação de 6,83 pontos. Sendo esta a terceira e última etapa, os grandes vencedores do campeonato já são assim conhecidos. Em kayaksurf HP o campeão foi André Pinto, que venceu ainda na categoria kayaksurf IC. Quanto ao waveski, o ouro foi para Gil Melo.

Para finalizar, decorreu ainda, em Santa Cruz, a Taça de Portugal de Surfing Montepio. Esta é a única prova por clubes do calendário nacional, sendo por isso considerada a prova mais importante por muitos atletas, técnicos e dirigentes. É também a única que reúne três modalidades de ondas da Federação Portuguesa de Surf, o surf e o bodyboard e o longboard.

Este ano, a equipa vencedora foi a Associação Onda do Norte (AON), com 9.725 pontos. Em 2.o lugar na geral ficou o Clube Recreativo e Cultural da Quinta dos Lombos (CRCQL), com 9.097 pontos, e em 3.o, com 8.308 pontos o Peniche Surfing Clube (PPSC).

Nas categorias individuais, os grandes vencedores foram: em surf sénior open Jhon Junior (SCP); em surf sénior feminino Carina Duarte (ESC); em surf júnior, o vencedor foi Diogo Mendes (CRCQL; e em surf júnior feminino, a vencedora foi Inês Bispo (ASCC). Partindo agora para os atletas mais jovens, em surf cadetes, a vitória foi para Tomás Ribeiro (CSC); em surf juvenil, o vencedor foi Afonso Antunes (ASCC). No longboard o grande vencedor foi Sebastião Maia (AON). Quanto às várias categorias do bodyboard, eis os vencedores: Daniel Fonseca (PPSC) venceu nos seniores; na categoria bodyboard cadetes, o grande vencedor foi Miguel Ferreira (AquaCarca); em bodyboard juvenil, o primeiro lugar foi para Marco Vieira (AON); na final feminina sénior foi Catarina Sousa (AquaCarca) quem levou a melhor, e em femininos júnior, Teresa Coelho (AquaCarca) foi a vencedora. No bodyboard júnior, Guilherme Guerra (CRCQL) ficou em primeiro lugar.

Feitas as contas, foi mais um ano em cheio, com direito a várias modalidades e ondas para todos em Santa Cruz. Para o ano, há mais!

O Santa Cruz Ocean Spirit 2015 é uma organização da Associação Ocean Spirit e da Câmara Municipal de Torres Vedras, com o patrocínio principal da Blue. O evento conta ainda com os seguintes patrocinadores: Montepio e Água do Vimeiro. A rádio oficial é a Mega Hits e a televisão oficial a Fuel TV.

Como apoio à divulgação o evento conta com: Grafivedras, Kayaksurf.net, Portal Aventura e Vert. A Psysioclem, R Power e Valorsul também apoiam esta 9.a edição do Santa Cruz Ocean Spirit. Produtos oficiais Effect.

Informação sempre atualizada e disponível em:
www.oceanspirit.pt
www.facebook.com/oceanspirit.pt
www.youtube.com/santacruzoceanspirit

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.