André voo baixinho no Alentejo
publicidade

O corredor da Academia Joaquim Agostinh, André Silva, foi o 6º atleta mais rápido do Campeonato Nacional de Contra-relógio. Foi um fim de semana de conquistas para vários atletas da equipa de Torres Vedras.

André Silva, atleta júnior da Academia Joaquim Agostinho, foi o 6º atleta mais rápido do Campeonato Nacional de contra-relógio, prova realizada no passado sábado na freguesia de Póvoa e Meadas em Castelo de Vide.

O ciclista de Alenquer percorreu os 22,7 quilómetros do percurso em 31 minutos e 44 segundos, registando uma média de 43 kms/hora. Wilson Esperança também esteve em bom plano, terminando o exercício na posição imediata ao colega de equipa.

André Silva Voo no Contra-Relógio

Guilherme Valverde foi o outro representante da equipa de Torres Vedras, alcançando o 13º posto.

No domingo disputou-se em Castelo de Vide a prova de fundo do Campeonato Nacional de Juniores. Alguma distração em momentos chave da corrida obrigaram a equipa torriense a ir em busca do prejuízo, cabendo a Wilson Esperança a tarefa de tentar alcançar a frente da corrida. No entanto o desempenho do atleta Nazareno foi bastante dificultado pelo facto de ir a solo sob vento muito forte, impedindo-o de conseguir o sucesso, acabando a prova na 14ª posição. Henrique Frois 33º, Carlos Rodrigues 34º, Afonso Morgado 60º, Guilherme Valverde 66º e André Silva em 67º, foram os outros “torrienses” que alcançaram a meta final.

Nos mesmos locais e também a contar para os campeonatos nacionais, disputaram-se as provas de cadetes e femininas. Catarina Simões foi a única atleta da Academia em prova, tendo alcançado a 5ª posição no exercício de contra-relógio.

Catarina Simões foi 5ª no Contra-Relógio

Em cadetes, a equipa partia com a ambição assumida em trazer para Torres Vedras a camisola de campeão, recaindo em Daniel Gonçalves as esperanças em poder alcança-lo.

No entanto, e apesar da equipa ter arriscado nesse sentido, não conseguiu alcançar o sucesso desejado, com o Sobralense a terminar o contra-relógio na 14ª posição e a prova de fundo na 40ª.

Daniel Gonçalves no comando do pelotão

Os masters também estiveram em ação, participando esta 2ª feira no tradicional circuito de São João Batista em Martingança. Com um desempenho espetacular, Sílvio Serrenho terminou na 3ª posição, numa prova em que andou sempre no grupo da frente. Em representação da Academia torriense estiveram também Pedro Oliveira e Jaime Ambrósio, que terminaram a prova no 5º e 6º lugar respetivamente.

Masters 60 no Circuito de Martingança

Sub-23 na Taça de Portugal

A equipa Sicasal-Constantinos-Delta Cafés participou domingo na Volta a Albergaria-a-velha, 2ª prova pontuável para a Taça de Portugal que percorreu as estradas deste concelho da região de Aveiro.

Miguel Salgueiro teve um desempenho de alto nível ao ser o 17º mais rápido em competição, cruzando a meta a apenas 1 minuto e 28 segundos do vencedor. O atleta de Odivelas que corre o primeiro ano em sub-23 foi o 6º melhor desta categoria.

Tiago Henriques, também no seu primeiro ano neste escalão e Francisco Morais, fizeram um trabalho de mérito no sentido de lançar Miguel nos últimos quilómetros de corrida e no final acabaram por alcançar a 26ª e 34ª posição respetivamente, garantindo para a formação torriense o 2º lugar coletivo entre as equipas de clube. Com estes resultados, Miguel Salgueiro subiu ao 9º lugar do ranking sub-23 da Taça, enquanto Tiago Henriques e Francisco Morais ocupam agora a 17ª e 26ª posição.

Francisco Morais e Tiago Henriques fizeram um excelente trabalho
publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here