CARNAVAL: Uma Brincadeira Séria

Artigo de Opinião

Carnaval de Torres, essa festa popular que nos é tão querida e da qual, nós torrienses, tanto nos orgulhamos.

Carnaval de Torres, essa festa popular que quem é folião faz com vontade e de coração.

Carnaval de Torres, essa festa popular que de ano para ano vai entristecendo os torrienses, os foliões, pois cada vez mais é tratada apenas com finalidade financeira, perdendo a sua essência e o seu carácter.

Esta festa que é feita pelos torrienses, pelos “cá da terra” e por quem a eles se queiram juntar. Sem dúvida que a Câmara Municipal desempenha um papel muito importante na sua organização, ninguém lhe pode tirar o mérito e que seja sempre a nossa Câmara Municipal a organizar esta festa e não uma qualquer outra entidade. Mas que ninguém esqueça, que ninguém esqueça mesmo, que sem os foliões, aqueles que como eu, pagam do seu bolso as suas máscaras e pagam do seu bolso a entrada para um corso em que nos vamos divertir e divertir quem nos vem ver. Sim, não tenho dúvida alguma que sem nós, o Carnaval de Torres não era nem uma sombra do que é. No entanto, constantemente em discursos se agradecem a tantos e não se ouve um Obrigado aos que do seu tempo abdicam, aos que o seu dinheiro investem nesta festa que é para todos.

Continuamos a fazê-lo por gosto, com uma vontade que só quem o faz compreende, com uma alegria que é só nossa. No entanto, é inevitável olhar à volta e a cada ano que passa analisar no que o nosso Carnaval se vai transformando, que cada vez mais não é senão um porquinho mealheiro. Fico triste, o nosso Carnaval é feito por nós para nós e para quem nos quiser visitar. O nosso Carnaval é uma tradição antiga, não se explica, sente-se!

Tínhamos um corso trapalhão ao sábado à noite mas como começou a atrair muita gente, a Câmara Municipal passou o concurso de máscaras para essa noite e fechou as portas do recinto. Então, passámos a fazer um corso trapalhão à segunda-feira à noite mas também esse passou a atrair muita gente e o que é que a Câmara Municipal faz? Fechou as portas do recinto. Será que algum dia vamos conseguir ter realmente o nosso corso trapalhão de volta? Era tão bonito ver este gesto acontecer.

Recebemos com um júbilo singular quem nos visita, mas se esta festa popular, este Carnaval é acima de tudo para os torrienses, qual a razão de os postos móveis de venda de bebidas, as chamadas “barracas de cerveja” não estarem por defeito atribuídas uma a cada bar? Afinal são eles que pagam os seus impostos e fazem os seus investimentos durante todo o ano para que possamos ter um local onde tomar um café com amigos ou até festejar um aniversário. Será que também eles não mereciam essa compensação? Obviamente que se não estivesse dentro dos seus interesses os postos em questão seriam leiloados, mas seria tão mais correcto agir desta forma, em vez de esperar pelo “quem dá mais” e voltar apenas e só ao interesse financeiro.

Precisamos de mais segurança? Sim. Precisamos de maior fiscalização de bebidas em garrafas no recinto e de pontos de venda de comida ou bebida clandestinos? Sim. Precisamos de mais casas de banho móveis? Sim. Mais um posto de primeiros socorros? Porque não? Mas se me perguntarem se precisamos que nos respeitem e valorizem mais? Sem Dúvida!

Só mais umas questões, que no meu humilde entendimento não compreendo. Porque razão não foram cumpridos os valores dos Kits de Carnaval até à data prevista? Não haviam Kits mas mantinham o valor, tinha sido um gesto bonito e apreciado, em vez disso, mais uma vez, apenas veio facilitar críticas menos boas e, na minha opinião, válidas. Outro assunto, este ano surge um palco na Praça Alberto Avelino porque motivo? Se o recinto é cada vez mais pequeno, de facto é, mas é facto também que faria mais sentido que este fosse alargado para o parque de estacionamento onde existia o antigo Sporting de Torres. Qual o motivo que levou a que continuem a estacionar veículos tão no centro e se opte por colocar um palco tão longe?

Por favor, aqui peço. Não transformem o nosso Carnaval num simples mealheiro ou num caldeirão de interesses, ele é tão mais que isso.

Para terminar apenas um conselho: Aproveitem ao máximo sempre com moderação e respeito esta nossa festa que está a chegar e Viva o Carnaval De Torres Vedras!!

Maria Lopes,

Apoiante do Movimento de Cidadãos Independentes Torres nas Linhas

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here