publicidade

A Associação Dianova, antes designada como Le Patriarche, esclareceu hoje que não faz peditórios de rua e que os que têm sido feitos em seu nome, na Póvoa de Varzim, são uma “burla” já denunciada às autoridades.

Em comunicado, a instituição de solidariedade social revela ter acabado de “tomar conhecimento por via telefónica de peditórios de rua na Póvoa de Varzim, realizados indevidamente por alegados colaboradores identificados como pertencentes ao Le Patriarche (anterior designação da Dianova, que deixou de existir desde 1998)”.

“A Dianova Portugal, com sede em Monte Redondo, Torres Vedras, esclarece que não é política da instituição realizar peditórios desta natureza, não se responsabilizando por qualquer facto ocorrido nestas circunstâncias, pelo que adverte a população a não efetuar qualquer donativo em tais condições e solicita a sua imediata denúncia às autoridades policiais de âmbito local e nacional”, acrescenta a instituição.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.