publicidade

Campeonato da Proliga – Zona Sul ( 14ª jornada) 

Jogo do dia 14/01/2017 às 18:00, no Pavilhão Dr. José Maria Antunes em Torres Vedras.                                                            

Arbitros : Diogo Morais e Rodrigo Santos.

FÍSICA “A”                         64                                 

Carlos Dias 6; Miguel Salvador 5; Nuno Monteiro 5; Miguel Sousa 0; Frederico Tavares 12; Pedro Bagio 19; João Raposo 0; Tiago Filipe 0; Ricardo Robalo 8; Gonçalo Silva 9; José Maria Saccás 0; Rui Mendes 0.

BARREIRENSE                    80                                                       

Filipe Pinheiro 17; Eduardo Gomes 2; Diogo Peixe 0; Kenneth Martin 22; Neemias Queta 0; Antonio Pires 7; Diogo Valente 0; Ivo Ferreira 0; Alexandre Coelho 6; Carlos Sico 3; Daniel Margarido 10; Tiago Raimundo 13.

Ao intervalo 32 – 41. Parciais 10 – 19, 22 – 22, 13 – 19, 19 – 20.

Física “A” chegou a ultima jornada da 1ª fase do Campeonato da Proliga, com um jogo complicado contra a equipa do Barreirense, indiscutível 1º Classificado da Zona Sul e com apenas duas derrotas contra as equipas do Estoril BC e do Angra Basket. Na 1ª volta Física “A” tinha perdido no Barreiro por 93 – 80. Os atletas Torrienses tinham tarefa difícil, pois precisavam fazer um jogo irrepreensível e por outro lado o adversário efectuar o pior jogo da época. Equipa esta do Barreiro, reforçada com um poste Americano Kenneth Martin, jogador muito assertivo e devido à sua elevada estatura, imbatível baixo dos cestos.

Por outro lado no Estoril estava a decorrer um encontro que interessava a Física, pois a equipa da casa defrontava Os Belenenses. É curioso que o Estoril perdeu apenas duas vezes em casa, na 1ª jornada jogando desfalcado contra a Academia do Lumiar e na 9ª jornada contra o Terceira BC, 2º Classificado da Proliga, zona sul. Era de esperar que o Estoril naturalmente venceria a partida, o que não aconteceu e com a vitória do Belenenses, relegando a Física para a penúltima posição da Classificação.

E para não esquecermos, está pendente o jogo Angra Basket – Física, jogo que foi vencido pela equipa de Torres Vedras por 91 – 76 e que perdeu posteriormente na secretaria por falta de comparência e com resultado 20 – o devido a reclamação da equipa Açoreana, porque o treinador da Física, Romero Júnior não tem o nível 3 de treinador,  que é exigido para o Campeonato da Proliga. A Física já recorreu alegando que ele foi inscrito na última formação, mas devido à falta de número de treinadores suficientes para se realizar o curso, não foi efectuado mas que tinha autorização da FPB para este ano. A Comissão da Federação de Basket irá reunir para a decisão final. Caso a decisão da FPB seja favorável à Física, o clube Torriense ficaria na 5ª posição com 19 pontos.

A partida contra o Barreirense não foi um dos melhores jogos da equipa da Física deste ano, mas os atletas reagiram ao longo do encontro, perdendo no 1º período por 10-19, no 3º por 13 – 19 e no 4º apenas pela diferença mínima, 19-20. O melhor que se conseguiu, foi empatar o 2º período por 22-22. No intervalo do encontro as duas formações foram apara os balneários com a equipa do Barreiro na frente ao marcador por 32 – 42.

jogofisicabarreirense

Em termos estatísticos pela Física, marcaram 13 em 32 lançamentos para 2 pontos (40,6%) destacando-se Pedro Bagio com 5 em 10 e Frederico Tavares com 2 em 2. Quanto aos 3 pontos, os Torrienses marcaram  7 em 21 lançamentos (33,3%), com destaque para os Pedro Bagio com 2 em 3 e Frederico Tavares com 2 em 5. Em termos de ressaltos ofensivos e defensivos,  ganharam 28, Carlos Dias e Pedro Bagio com 7 cada. Nas assistências em termos colectivos foram 10, sendo os atletas que mais assistiram os seus colegas,  Ricardo Robalo, e Gonçalo Silva com 3 cada. Finalmente a equipa da Física perdeu 18 vezes a bola (turnovers).

Com esta derrota , Física “A” fica no 7º lugar do Campeonato da Proliga, ficando a aguardar o recurso sobre o jogo nos Açores. Desta forma fica entre a posição 5º à 8ª que vai disputar com as equipas de 5ª à 8ª posição da zona norte quem fica e quem desce à 1ª Divisão Nacional. Os adversários na 2ª fase da Física irão ser : Os Belenenses, Angra Basket, Academia do Lumiar, Casino Ginásio, AD Sanjoanense, Aliança Sangalhos e Guifões.

Entretanto no próximo fim de semana 21-22 de Janeiro, inicia-se a 2ª fase, e a Física desloca-se a Belém para defrontar Os Belenenses, neste momento data e hora do jogo não está conhecida.

             Resultados da 14ª jornada : 

Terceira BC – Angra Basket                          76 – 57

Academia do Lumiar – SL Benfica                62 – 66

Estoril BC – Belenenses                                67 – 69

 

Classificação final 1ª fase da Proliga : 

                                                                  J           V          D            P

  1. Barreirense                                14        12         2          26        
  2. Terceira BC                                 14        11         3          25       
  3. SL Benfica “B”                           14         9          5          23      
  4. Estoril BC                                    14         7           7          21
  5. Os Belenenses                            14         5          9          19       
  6. Angra Basket                              14         5          9          19               
  7. Física “A”                                     14         4         10        18        
  8. Academia do Lumiar               14         3         11         17    

Por Konstantinos Saccás

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.