BE de Torres Vedras marcou presença na XI Convenção Nacional do Bloco de Esquerda
publicidade

Alexandre Fernandes, porta-voz do BE de Torres Vedras, interveio na XI Convenção, abordando temas como solidariedade inter-geracional, a defesa das pensões e o Ensino Superior.

Alexandre Fernandes e Pedro Pisco foram eleitos delegados, pela concelhia de Torres Vedras, na XI Convenção Nacional do Bloco de Esquerda, que se realizou nos dias 10 e 11 de Novembro no Pavilhão do Casal Vistoso, em Lisboa.

A XI Convenção Nacional contou com a eleição das moções apresentadas, alteração aos estatutos como a eleição do órgão máximo do partido, a Mesa Nacional.

Alexandre Fernandes, porta-voz da coordenadora do Bloco de Esquerda de Torres Vedras interveio na XI Convenção, falando da importância da solidariedade inter-geracional; o respeito pelos idosos e a importância de defender pensões e uma velhice dignas.

“A hierarquização das gerações é um erro que nos tolda o olhar, no qual não nos podemos rever, contrariamente ao que podemos assistir por parte de uma direita ressabiada que implementou e quer continuar a implementar políticas que promovem uma guerra de gerações, tais como: os cortes nas pensões, a degradação progressiva do Serviço Nacional de Saúde, bem como o desprezo que a direita demonstra pela quantidade de idosos que trabalharam uma vida inteira e não se sentem devidamente recompensados e reconhecidos, pelo contrário, sentem-se deprimidos e que já não têm nada para dar”, afirmou Alexandre Fernandes.

No seu discurso também foi abordado o tema Ensino Superior: a luta contra a política de propinas, e a defesa intransigente pelo fim do regime fundacional e da praxe académica, “para um ensino superior mais democrático e justo”, foram pontos realçados pelo porta-voz da coordenadora do Bloco de Esquerda de Torres Vedras.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here