Câmara de Torres Vedras reforça Orçamento Participativo e lança edição jovem
publicidade

O projeto vencedor da terceira edição do Orçamento Participativo é a conclusão das obras da sede dos escuteiros de A-dos-Cunhados, com 30 mil euros atribuídos.

A Câmara de Torres Vedras vai aumentar para 300 mil euros o Orçamento Participativo em 2019 e lançar uma edição jovem, anunciou ontem o presidente do município na cerimónia de divulgação dos vencedores da edição deste ano.

“A câmara municipal decidiu aumentar de 250 [mil] para 300 mil euros o Orçamento Participativo para 2019”, disse Carlos Bernardes, para quem o crescimento da dotação “é um incentivo” à participação dos cidadãos.

A autarquia do distrito de Lisboa está também a alterar o respetivo regulamento para ter um projeto vencedor por freguesia, adiantou Carlos Bernardes.

O presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras anunciou ainda que, em 2019, a câmara vai lançar o Orçamento Participativo Jovem, com uma verba de 50 mil euros nesta primeira edição.

O projeto vencedor da terceira edição do Orçamento Participativo é a conclusão das obras da sede dos escuteiros de A-dos-Cunhados, com 30 mil euros atribuídos, depois de recolher o maior número de votos (2.343).

O segundo mais votado foi a criação de uma orquestra infantojuvenil na freguesia da Carvoeira/Carmões (40.500 euros) e o terceiro a aquisição de uma viatura de transporte de doentes não urgentes para a Associação de Socorros de Dois Portos (43.308 euros).

Os restantes quatro selecionados foram o projeto de sensibilização “Vamos limpar os rios até às praias” (35.800 euros), a colocação de cobertura no campo desportivo da escola de Casalinhos de Alfaiata (12.833 euros), os melhoramentos nos passeios entre as localidades de Arruda e Sendieira (49.200 euros) e a aquisição de painéis solares para o campo de futebol da Pedra (27 mil euros).

À edição de 2018 do Orçamento Participativo de Torres Vedras, com uma dotação de 250 mil euros, foram apresentadas 38 propostas.

Foram registados 18.589 votos, um aumento de “500% dos votos” face à primeira edição, frisou o autarca.

Carlos Bernardes adiantou que as verbas vão ser pagas até ao final deste mês para os projetos começarem a ser executados.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here