Câmara Municipal reconhece razão aos habitantes de Vale da Azenha