publicidade

A 10ª edição do Ocean Spirit arrancou ontem na Praia Centro, em Santa Cruz, e contou com casa cheia. A primeira noite do festival contou com a ajuda de São Pedro, que brindou a praia torriense com uma noite em que se podia andar de calções e de manga curta (algo que, por aqui, é difícil de acontecer, mesmo no Verão). Dos mais jovens aos mais adultos, foram cerca de 6000 pessoas que passaram pela Aldeia Neptuno, numa noite onde o hip-hop foi cabeça de cartaz.

Casa cheia na primeira noite do Santa Cruz Ocean Spirit
A primeira noite do festival contou com a ajuda de São Pedro, que brindou a praia torriense com uma autêntica noite de Verão. Foto: Rita Alves dos Santos

A noite começou ao som do techno de Temudo. O dj, natural de Torres Vedras, foi o primeiro artista a subir ao Palco Neptuno e fez dançar as centenas de pessoas que já iam povoando o recinto.

E se, durante a noite, a maioria dos visitantes deste festival de “pé na areia” se concentra junto a este palco, também a piscina e a zona de patrocinadores continua a despertar o interesse do público. Certo é que o espírito jovem e descontraído a que nos habituámos durante os dez anos do Santa Cruz Ocean Spirit voltou a ser reafirmado no arranque do festival.

Casa cheia na primeira noite do Santa Cruz Ocean Spirit
Temudo fez as honras do Palco Neptuno na primeira noite do festival. Foto: Rita Alves dos Santos

Pouco depois da meia-noite, era Mundo Segundo que subia ao palco principal do Santa Cruz Ocean Spirit. O MC, que integra os Dealema, interpretou êxitos recentes como “Bom Dia”, mas não deixou de revisitar clássicos da banda do norte. “Escola dos 90” foi uma das músicas que reuniu o coro afinado – e a ovação – da plateia.

Casa cheia na primeira noite do Santa Cruz Ocean Spirit
O rapper torriense NBC juntou-se a Mundo Segundo no Palco Neptuno. Foto: Rita Alves dos Santos

A noite contava ainda com uma surpresa, com o rapper torriense NBC a subir ao palco e a protagonizar, ao lado de Mundo Segundo e da sua formação, um dos pontos altos da noite.

E foi também com prata da casa que se dançou até ao final da noite. Tiago Bandeiras voltou ao Ocean Spirit e fez o que de melhor sabe fazer: o público dançou e vibrou ao som da mais variada música – dos hits de dança dos dias de hoje a músicas intemporais como Smells Like Teen Spirit, dos Nirvana – até às 3h da manhã.

Casa cheia na primeira noite do Santa Cruz Ocean Spirit
Coube a Tiago Bandeiras encerrar a programação da primeira noite do Palco Neptuno. Foto: Rita Alves dos Santos
publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.