CDU em forte ação de campanha no Oeste
publicidade

No passado domingo, a Coligação Democrática Unitária, formada pelo Partido Comunista Português e pelo Partido Ecologista “Os Verdes” (PCP-PEV) visitou os concelhos de Torres Vedras e Mafra, com a presença dos candidatos à Assembleia da República Alma Rivera, Cláudia Madeira, Beatriz Goulart Pinheiro e Sérgio Cipriano. 

A ação de campanha terminou em Torres Vedras onde, durante um jantar-comício, “apoiantes de toda a região expressaram o seu apoio ao lema “Avançar é Preciso”, dando um claro sinal da importância da CDU para influenciar positivamente os destinos do nosso país a partir de 7 de outubro”, lê-se em comunicado enviado ao TORRES VEDRAS WEB. 

De forma clara, a candidata da CDU, Alma Rivera, constatou que “o que está em jogo no próximo dia 6, é uma opção: fazer o País avançar, com mais força, mais votos e mais deputados para a CDU ou permitir que se ande para trás, no muito que se conquistou nestes quatro anos.”

A candidata Alma Rivera confirmou que, nos últimos quatro anos, estas forças políticas interromperam “a governação de PSD e CDS, conseguindo a reposição de direitos e rendimentos e mesmo a conquista de novos direitos. “Não houve nenhum problema, nenhuma questão que interessasse aos trabalhadores e ao povo que não tenha sido denunciada pelo nosso Grupo Parlamentar e para a qual não tenhamos apresentado uma solução ou proposta para a resolver”, revela a candidata. “Estivemos lá para dar voz às reivindicações e transformá-las em proposta e estivemos lá para oferecer oposição e combate a tudo o que foi prejudicial ao povo. Temos razões para encarar com confiança para esta última semana de campanha porque a CDU foi responsável por demonstrar que, digam o que disserem centenas de comentadores e doutrinadores, não há caminhos únicos. Tudo se trata de opções políticas. E isso devolveu esperança a muita gente”, acrescenta.

No que aponta, concretamente, à região Oeste, Alma Rivera sublinhou ainda “importantes propostas para responder aos problemas das populações: electrificar e duplicar a Linha do Oeste, acrescentando meios humanos e materiais; alargar o passe intermodal a todos os concelhos do distrito e área metropolitana; pôr fim às PPP rodoviárias e eliminar as portagens, como é o caso da A8; construir o novo Hospital público de Torres Vedras e investir no SNS; construir os centros de saúde necessários e reabrir os postos dos CTT”.

A campanha da CDU continuará até ao final desta semana “com a mesma força e recetividade que tem sido nota entre as populações da Região Oeste, confirmando-se que a opção tomada pelo Partido Comunista Português beneficiou as populações e deu sinais de esperança para um futuro onde Avançar é Preciso”, concluiu o partido no comunicado enviado. 

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here