Coletivo Brasil está de regresso a Torres Vedras com oficinas artísticas
publicidade

O Coletivo Brasil está de regresso a Torres Vedras, com a representação de 12 artistas na Paços – Galeria Municipal de Torres Vedras. Sob a curadoria de Lauro Monteiro, o grupo vai além da exposição coletiva de artes visuais e promove oficinas artísticas gratuitas que pretendem envolver os torrienses com a arte e a cultura.

Canções Ilustradas – O som, a palavra e a imagem no universo infantil é a oficina dirigida a crianças dos 6 aos 10 anos que decorre no dia 12 de outubro, sábado, às 10h30, no Porta 5 – Espaço Cultural. Partindo de canções de autores brasileiros ou de domínio público lusófonas, o objetivo passa por estabelecer laços de “afetividade criativa” na interpretação da criança. A oficina será orientada por Alex Lima, músico, instrumentista e intérprete, designer, agente cultural e artista multimédia.

Já a formação de gravura em metal Desmistificando a calcogravura irá decorrer nos dias 15 e 18 de outubro, terça e sexta-feira, às 14h30, no Porta 5 – Espaço Cultural. Pretende-se desmitificar a calcogravura, que geralmente é vista como uma técnica difícil que exige grande perícia do artista. Os participantes serão convidados a traçar pequenas interferências gráficas na placa de metal, que posteriormente será gravada usando os princípios da “água forte”, que fixa o grafismo criado para depois ser reproduzida em papel.

O conteúdo técnico da oficina, que será orientada por Ivo Indiano, contempla dois eixos: Água-forte – História da técnica – principais procedimentos e reconhecimento e Prática – A mordedura em água-forte, reconhecimento visual do processo.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here