Concelho de Torres Vedras atinge os 80 casos ativos de covid-19
publicidade

A 5 de outubro, o concelho de Torres Vedras apresentava 80 casos ativos de infeção por SARS-CoV-2, que se encontram a ser acompanhados pelas autoridades de saúde. Existiam 35 casos suspeitos a aguardar os resultados laboratoriais e 226 contactos sob vigilância ativa das autoridades de saúde. O Concelho apresentou três novos casos confirmados.

A distribuição de casos ativos pelas freguesias do Concelho faz-se da seguinte forma:

  • Santa Maria, São Pedro e Matacães: 31
  • União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira: 17
  • Silveira: 7
  • Ponte do Rol: 5
  • São Pedro da Cadeira: 5
  • União das Freguesias de Dois Portos e Runa: 3
  • Ventosa: 3
  • Freiria: 2
  • Turcifal: 2
  • União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça: 2
  • Ramalhal: 1
  • União das Freguesias de Carvoeira e Carmões: 1
  • União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo: 1

No total, foram contabilizados 446 casos confirmados, dos quais 353 recuperados. Desde que a pandemia chegou ao Concelho, há, infelizmente, 13 óbitos a lamentar.

Situação epidemiológica na Igreja Cristã Evangélica de Torres Vedras

cluster de COVID-19 na Igreja Cristã Evangélica de Torres Vedras, na freguesia de Santa Maria, São Pedro e Matacães, apresenta 21 casos ativos de infeção por SARS-CoV-2. Do total de casos ativos, 15 residem no concelho de Torres Vedras, quatro no concelho da Lourinhã e dois no concelho do Cartaxo.

Dos 15 casos ativos registados no Concelho, 9 pertencem à freguesia de Santa Maria, São Pedro e Matacães, quatro à União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira, um à freguesia de Ponte do Rol e um à União das Freguesias de Carvoeira e Carmões.

Situação epidemiológica no Lar de Nossa Senhora da Luz

cluster de COVID-19 localizado no Lar de Nossa Senhora da Luz, em Paradas, na União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira, conta com seis casos ativos de infeção por SARS-CoV-2. Todos os casos ativos pertencem à União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira.

publicidade

1 COMENTÁRIO

  1. Então agora temos um “cluster” de covid?
    Senhores jornalistas será que no dicionário de português não existe palavra adequada para o facto?
    Que eu saiba Portugal ainda é nosso e aqui ainda se fala português, se querem falar (escrever) inglês… Emigrem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here