publicidade

O Daniel Bernardes’s Crossfade Ensemble atua no próximo dia 12 de junho, pelas 20h00, no Teatro-Cine de Torres Vedras.

De referir, a propósito da origem deste agrupamento musical, que Daniel Bernardes criou o seu Crossfade Ensemble em 2016 para tocar as suas composições, as quais misturam as linguagens do jazz e da música clássica. A formação eclética do Daniel Bernardes’s Crossfade Ensemble espelha esta confluência estética. Neste agrupamento musical, como referências da música erudita temos: Hugo Assunção, trombonista solista da Orquestra Sinfónica Portuguesa; Sérgio Carolino, tubista internacional solista da Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música; e Mário Marques, solista convidado pelas principais orquestras portuguesas e membro do Quarteto Saxofínia. Já como referências do jazz no Daniel Bernardes’s Crossfade Ensemble há: João Barradas, acordeonista campeão do mundo; Jeffery Davis, referencia incontornável do vibrafone; e Ricardo Toscano, tido por muitos como o melhor saxofonista jazz da atualidade. Foram estes os músicos convidados por Daniel Bernardes para dar vida às suas composições. De recordar que Daniel Bernardes é uma figura incontornável do panorama musical português, ele que tem recebido encomendas para alguns dos principais solistas e ensembles do país assim como para bandas sonoras para cinema e televisão.

O Daniel Bernardes’s Crossfade Ensemble é um projeto apoiado pela Fundação GDA que resultou numa edição especial em Vinyl com o carimbo MpMp.

O preço dos bilhetes para se assistir ao concerto do Daniel Bernardes’s Crossfade Ensemble no Teatro-Cine de Torres Vedras é de cinco euros.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here