publicidade

O principal objetivo é contribuir para uma melhor circulação de tráfego.

Esta terça-feira, dia 6 de dezembro, a Câmara de Torres Vedras aprovou, por unanimidade, o traçado da variante de ligação da Autoestrada 8 (A8) à zona empresarial das Palhagueiras, com duas vias em cada sentido.

Laura Rodrigues começou por destacar que esta é “uma grande ambição de todos os torrienses” e que a autarquia decidiu avançar com a construção de uma variante com uma extensão de seis quilómetros, duas vias em cada sentido e mais desviada para sul, abandonando em grande parte a ideia inicial da variante no que ao traçado e número de vias diz respeito.

A rota de ligação A8 – Palhagueiras foi uma decisão conjunta entre a Infraestruturas de Portugal (IP) e a Câmara Municipal de Torres Vedras (CMTV), sendo que as condições foram revistas diariamente para que a variante se inicie no entroncamento em Paio Correia, em pleno nó de acesso à A8, e o seu traçado passe mais a sul do que o inicial, terminando na zona empresarial das Palhagueiras, na freguesia de A-dos-Cunhados.

O traçado inicial passava por cima de explorações agrícolas e agroindustriais que não existiam na altura“, justificou Laura Rodrigues.

A autarca garante ainda que a qualidade de vida da população foi um fator em consideração, visto que “corresponde aos anseios das pessoas para escoar o trânsito pesado, que é cada vez mais intenso“.

Em relação aos custos da obra, Laura Rodrigues não avançou uma estimativa de custos, mas acredita ter “muitas dúvidas” que os sete milhões de euros de financiamento do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), que estão garantidos para a obra, sejam suficientes para o projeto.

Questionada sobre o prolongamento da nova variante até Santa Cruz, Laura Rodrigues afirma que “não é prioridade”, justificando que “o essencial não são as zonas balneares, mas as zonas industriais [ligadas ao setor agroalimentar] para que possam escoar os seus produtos”.

A autarca reforçou ainda que o município pretende lançar concurso público para a obra até ao final de 2023 e concluí-la até 2026.

Veja aqui a possível rota de ligação A8 – Palhagueiras.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here