Covid-19: Bombeiros de Torres Vedras com 20 infetados querem ser vacinados
publicidade

Os Bombeiros Voluntários de Torres Vedras têm 20 operacionais infetados e outros três em isolamento, afirmou hoje o comandante, que pede para que os bombeiros sejam incluídos nas prioridades do plano de vacinação contra a covid-19.

O número de infetados “é preocupante, mas não compromete o socorro”, quando a corporação, a única do concelho, tem um corpo operacional composto por 140 elementos, tranquilizou Fernando Barão, em declarações à agência Lusa.

Contudo, o responsável operacional adverte para a necessidade de os bombeiros portugueses serem integrados nas prioridades do plano de vacinação contra a covid-19, por “serem os primeiros da linha de combate a contactar com cidadãos infetados”.

Face à exposição ao risco de infeção, Fernando Barão mostrou-se “preocupado se, em vez de 23, forem 40 ou 50 os bombeiros em casa”.

O concelho tem cinco surtos ativos em lares, com mais de três centenas e meia de infetados.

Desde o início da pandemia, Torres Vedras, no distrito de Lisboa, contabiliza 3.663 casos confirmados, dos quais 1.197 estão ativos, 2.404 recuperaram e 62 morreram.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.075.698 mortos resultantes de mais de 96,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 9.686 pessoas dos 595.149 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here