Covid-19: Número de infeções ativas entre trabalhadores agrícolas de Torres Vedras cai para 68
publicidade

 O surto de covid-19 em explorações hortofrutícolas de Torres Vedras atingiu 247 trabalhadores, quando eram 153 no dia 03, mas apenas 68 se mantêm casos ativos, disse hoje fonte oficial do município.

A mesma fonte adiantou que, desde que o surto foi detetado em meados de novembro, ficaram infetados 247 trabalhadores de explorações agrícolas pertencentes a empresas hortofrutícolas da freguesia de A-dos-Cunhados, naquele concelho do distrito de Lisboa.

Os trabalhadores infetados, todos de nacionalidade estrangeira, estão assintomáticos ou com sintomas ligeiros.

Desse total de infetados, 179 recuperaram e 68 mantêm-se ativos, 12 dos quais estão a cumprir isolamento profilático no Centro Diocesano de Espiritualidade do Turcifal, no mesmo concelho.

Desde sexta-feira que o Hotel Golfe Mar já não tem alojado quaisquer trabalhadores relacionados com este surto.

Na unidade hoteleira, os trabalhadores chegaram a estar divididos por alas diferentes, uns em isolamento profilático por terem tido teste positivo à covid-19 e outros de quarentena, por serem contactos de risco.

Os primeiros 23 casos de infeção associados a este surto foram divulgados em 16 de novembro.

Por partilharem as mesmas habitações, os trabalhadores não tinham condições de ficar a recuperar em casa, motivo pelo qual tiveram de ser realojados.

Na terça-feira, na Assembleia Municipal de Torres Vedras, o delegado de saúde local, Nuno Rodrigues, explicou que os contágios ocorreram sobretudo “depois do trabalho, em meio social ou habitacional”.

Os casos das explorações em que foi detetado que não usavam máscara foram reportados à GNR, acrescentou.

Na mesma sessão, o presidente da câmara, Carlos Bernardes, disse que todos estavam em situação regular no país e possuíam contrato de trabalho.

Desde o início da pandemia, Torres Vedras contabiliza 1.688 casos confirmados, dos quais 292 estão ativos, 1372 recuperaram e 24 morreram.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.621.397 mortos resultantes de mais de 72,7 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 5.649 pessoas dos 350.938 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here