Covid-19: Oeste perde mais de um milhão de visitantes com cancelamento de espetáculos
publicidade

A região Oeste vai perder este verão mais de um milhão de visitantes e sofrer impactos económicos ainda não contabilizados devido ao cancelamento de festas, festivais e eventos até 30 de setembro, aprovados pelos 12 municípios da OesteCim.

Torres Vedras é, de entre os 12 concelhos do Oeste, aquele onde mais eventos serão cancelados até ao dia 30 de setembro, com a secular Feira de S. Pedro, que deveria realizar-se em junho, a representar um corte de mais de 200 mil visitantes.

“É uma medida dura porque é o ponto de encontro de todos os torrienses, mas tem de ser”, disse o presidente deste município, Carlos Bernardes, à agência Lusa.

O evento, que se realiza há 726 anos, tinha um orçamento de 273 mil euros e uma expectativa de receita de cerca de 321 mil euros.

Ainda em Torres Vedras, são cancelados o Carnaval de Verão, em junho, e o Festival Ocean Spirit, em julho, ambos em Santa Cruz.

O Festival Ocean Spirit iria ter um orçamento de 422 mil euros, 310 dos quais da empresa municipal Promotorres e 112 mil da associação Sealand, sendo esperada uma receita de 250 mil euros.

Caldas da Rainha regista uma elevada perda de visitantes na Feira dos Frutos, Tasquinhas de Verão e festival “Oeste Lusitano”, a primeira com cerca de 100 mil entradas e os segundos entre as 80 e as 100 mil pessoas.

Com um orçamento de 300 mil euros, a Feira dos Frutos “tem um grande impacto económico, mas sobretudo ao nível da atratividade do concelho”, afirmou o presidente, Fernando Tinta Ferreira, sublinhando ainda “o grande prejuízo para as coletividades e associações”, impedidas de realizar as Tasquinhas, cujo orçamento ultrapassa os 150 mil euros.

Por realizar ficam ainda todos os eventos do “Caldas Anima”, que incluiria espetáculos na cidade, nas freguesias e nas zonas balneares.

Com um orçamento de 150 mil euros e atraindo cerca de 150 mil visitantes, ao longo de 16 dias, o cancelamento do Mercado Medieval de Óbidos vai deixar 12 associações do concelho com “menos 50% da receita anual” e a empresa municipal Óbidos Criativa “numa situação financeira muito complicada”, disse Humberto Marques, presidente do município.

A juntar ao cancelamento do Festival de Chocolate (que deveria ter acontecido de 24 de abril a 03 de maio), a não realização do Mercado Medieval deixa a empresa com “capacidade de assegurar os 45 mil euros de despesas fixas mensais, incluindo 16 ordenados, apenas até ao final do ano”, explicou o autarca sublinhando a necessidade de o Governo “definir apoios” para estas empresas.

Em Alcobaça, ficam pelo caminho a Feira de S. Bernardo (20 de agosto), Aljubarrota Medieval (14 de agosto) e o Cister Música (julho), o maior festival de música clássica do país, organizado com o apoio do município.

A feira que assinala o feriado municipal teria um orçamento de 300 mil euros e uma expectativa de 60 a 70 mil visitantes. Já a recriação histórica de Aljubarrota movimentaria cerca de 40 mil pessoas e Cister Música cerca de 8.500 espetadores.

No Bombarral não se realiza em agosto o Festival Nacional do Vinho e Feira da Pera Rocha e, em Alenquer, é cancelado o Festival Alma do Vinho, previsto para setembro.

“É um evento de promoção do vinho, logo de socialização e decidimos adiar”, afirmou o presidente da câmara, Pedro Folgado, à agência Lusa.

O evento deveria contar com 45 mil visitantes e teria um orçamento de 250 mil euros, despesa que a autarquia vai aplicar nas medidas de combate à pandemia.

Na Nazaré não se realizarão as Festas do Sítio (com um orçamento de 100 mil euros e que atraem milhares de espetadores) e o “Esquininhas”, cujo concerto final atrai normalmente cerca de 50 mil pessoas.

Na região, estão ainda canceladas as Festas de Peniche, com a tradicional procissão do mar, e as Festas de Verão de Arruda dos Vinhos, ambas em agosto, as festas de Sobral de Monte Agraço, em setembro, assim como a Recriação da Batalha do Vimeiro (com 15 mil visitantes), em julho, e o Festival Sons na Areia, em agosto, ambos na Lourinhã.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here