Covid-19: Surto em lar nas Caldas da Rainha com um morto e 36 infetados
publicidade

Um surto de covid-19 no lar Caldas Residence, nas Caldas da Rainha, no distrito de Leiria, já provocou um morto e infetou 36 pessoas, das quais duas se encontram hospitalizadas, informou o delegado de saúde.

O surto foi detetado na terça-feira e, após a testagem de todos os utentes e trabalhadores, “foram identificados 36 casos positivos”, dos quais “19 são residentes e 17 são profissionais”, disse à agência Lusa o delegado de saúde coordenador da região Oeste, Jorge Nunes.

Entre os utentes que tiveram resultados positivo “um morreu e dois estão hospitalizados”, acrescentou Jorge Nunes.

Também na terça-feira foi detetado um outro surto, no Centro Social e Paroquial das Caldas da Rainha, com “dez utentes e oito funcionários infetados”, informou o mesmo responsável.

Estão ainda a ser efetuados testes a 62 utentes e trabalhadores de um lar de idosos na Foz do Arelho, onde, até hoje já foram registados três casos de infeção.

O maior surto ativo no concelho das Caldas da Rainha, detetado há duas semanas, continua a ser o da Santa Casa da Misericórdia, com um total de 107 infetados pelo novo coronavírus, entre utentes e funcionários.

De acordo com o último boletim de situação epidemiológica publicado pela Comissão Distrital de Proteção Civil de Leiria, o concelho das Caldas da Rainha registou desde o início da pandemia 1.846 casos de infeção pelo novo coronavíruros, dos quais 541 se mantém ativos, 1.245 pessoas recuperaram e 60 morreram.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.129.368 mortos resultantes de mais de 99,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 10.721 pessoas dos 643.113 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here