publicidade

Um homem, de 22 anos, foi detido pela suspeita de um crime de homicídio com arma branca, no sábado, em Torres Vedras, e vai aguardar julgamento em prisão preventiva, anunciou hoje a Polícia Judiciária (PJ).

Em comunicado, a PJ informou que o suspeito foi hoje presente a tribunal e ficou a aguardar julgamento em prisão preventiva.

Sobre o arguido recaem “fortes indícios da prática de um crime de homicídio em concurso com um crime de detenção e uso de arma proibida, sendo vítima um homem, também português, com 32 anos de idade”, indicou a Polícia Judiciária.

De acordo com a PJ, “o homicídio ocorreu na sequência de um conflito entre indivíduos que se conheciam” e que tinham estado em confraternização durante a noite de sexta-feira e a madrugada de sábado.

Pela manhã gerou-se uma “altercação entre o agressor e a vítima, que veio a culminar na prática de agressões graves, por parte do agressor sobre a vítima, com recurso ao uso de uma arma branca, provocando-lhe assim a morte”, lê-se no comunicado.

O homem foi detido fora de flagrante delito, mas a PJ revelou que “as diligências efetuadas permitiram o esclarecimento das circunstâncias da prática do crime, bem como a recolha de suporte probatório relativo à autoria dos crimes praticados”.

No sábado, fonte da PSP disse à agência Lusa que, pelas 09:30, registou-se uma desordem entre os elementos de um grupo que estava na zona dos bares, no centro da cidade, e que um homem, de 32 anos, teve “ferimentos com arma branca e foi conduzido ao hospital, onde veio a falecer”.

A vítima foi assistida por ambulâncias dos bombeiros de Torres Vedras e pela Viatura Médica de Emergência e Reanimação do hospital local, disse à Lusa o comandante da corporação, Hugo Jorge, confirmando que a vítima foi transportada para a urgência de Torres Vedras do Centro Hospitalar do Oeste com vida.

publicidade

Artigo anteriorAcordo de parceria foi assinado para gestão de futuros alojamentos estudantis
Próximo artigoFrederico Morais sobe quatro lugares para 23.º do ranking mundial de surf
Agência Lusa
A Lusa é a maior produtora e distribuidora de notícias sobre Portugal e o mundo, em Língua Portuguesa. A Lusa acompanha a atualidade nacional e internacional a cada segundo, e distribui informação em texto, áudio, foto e vídeo. A rede Lusa de correspondentes cobre geograficamente todo o país e está presente em 29 de países do mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui