Empresa investe 11ME em central hortofrutícola em Torres Vedras
publicidade

A nova central hortofrutícola criou uma centena de postos de trabalho, tendo agora um total de 350 trabalhadores.

A empresa Frutas Patrícia Pilar investiu 11 milhões numa nova central hortofrutícola, que entrou em funcionamento no concelho de Torres Vedras, e criou uma centena de novos postos de trabalho, disse ontem um dos sócios-gerentes.

Os 11 milhões de euros foram investidos na construção de um novo armazém de 22 mil metros quadrados para transformação e conservação de produtos hortofrutícolas, disse Emílio Carmona à agência Lusa.

O armazém antigo, que foi encerrado após a entrada em funcionamento do novo, há vários meses, “era pequeno para dar resposta, sobretudo às necessidades de exportação dos produtos”, explicou o empresário.

O investimento, todo ele feito com capitais próprios, foi aplicado também na aquisição de calibradores para a fruta e legumes e de câmaras frigoríficas para a conservação dos produtos, aumentando de 2.000 para 15.000 toneladas a capacidade de armazenagem em frio.

A nova central hortofrutícola criou uma centena de postos de trabalho, tendo agora um total de 350 trabalhadores.

A empresa tem um volume anual de negócio de 90 milhões de euros, 30% dos quais são obtidos na exportação.

Os principais mercados externos são a Espanha, França, Brasil, Marrocos e Inglaterra.

A empresa não só produz, como recebe, embala e comercializa produtos agrícolas dos seus 300 associados, transacionando por ano 110 mil toneladas.

Entre os principais produtos estão o tomate (40 mil toneladas), a pera rocha (oito mil toneladas) e a maçã (cinco mil toneladas).

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here