publicidade

Crianças e jovens do concelho voltaram a ocupar o seu tempo de férias de verão de forma lúdica e educativa graças a iniciativas criadas pela Câmara Municipal para esse efeito.

Uma dessas foi o Tempo de Férias – verão 015, que decorreu entre 15 de junho e 31 de julho, e no qual se contabilizou cerca de 1460 participações. Foram muitas (e boas,,,) as atividades realizadas no âmbito deste programa: visitas a fábricas (da Riberalves e da Olá) e a locais de interesse cultural e pedagógico (Museu da Lourinhã, Mosteiro de Alcobaça, Museu Fortaleza de Peniche, Laboratório de Paleontologia e Paleoecologia e Jardim Zoológico de Lisboa), ateliês de ciências no Centro de Educação Ambiental, sessões de cinema, idas ao Parque Aventura da Cova da Baleia, à Quinta Pedagógica da Caria, ao Vimeiro Clube Aventura, ao Parque Aquático de Santarém, ao Parque Aquático Mariparque, às Piscinas do Vimeiro e ao Santa Cruz Ocean Spirit, aulas de surf em Santa Cruz com a escola 3S e atividades radicais em parceria com a empresa Dinâmicas Naturais.

Já para jovens do concelho com o 3.º ciclo do ensino básico concluído foi proporcionada a iniciativa Faz e Acontece – Experiências vocacionais em contexto profissional. Durante o mês de julho 20 jovens participaram nesta iniciativa que lhes possibilitou não só a obtenção de alguma formação não formal dentro de áreas distintas, como ainda a convivência direta com algumas atividades profissionais que apesar de possuírem um cariz ocupacional, poderão ter um papel relevante na sua formação e desenvolvimento pessoal/social, já que lhes permitiu estarem integrados em ambiente real de trabalho.

As entidades envolvidas neste projeto foram as seguintes: Associação de Educação Física e Desportiva de Torres Vedras; Óticas – Oculista Central Torreense; Sociedade de História Natural; Junta de Freguesia da União de Freguesias de Torres Vedras e Matacães; Aeroclube de Torres Vedras; ClubL; Informestre – Equipamentos Informáticos; Cooperativa Cowork; Aristocão – Clinica Veterinária; Feel – Formação Profissional; Carsportif; Farmácia Torreense; Farmácia Santa Cruz; e Transforma.

Também o serviço educativo da Galeria Municipal realizou atividades de ocupação de tempo de férias, no seu caso de educação para a arte, nomeadamente em torno da exposição de Daniel Silvestre da Silva – “A Mãe que chovia” – (em que participaram 30 crianças do ATL da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras) e da temática da Luz (em que participaram 20 crianças do programa de ocupação de tempos livres da junta de freguesia da União de Freguesias de Runa e Dois Portos) para além de uma oficina de continuidade que abordou a temática do Mar (que contou com a participação de 12 crianças).

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.