Física vence prémio BPI Seniores
publicidade

Das 412 candidaturas sujeitas a apreciação de um júri presidido pelo Prof. António Barreto, a Física foi uma das 33 bem-sucedidas por oferecer uma resposta para a preservação da qualidade de vida da população sénior.

A Associação de Educação Física e Desportiva de Torres Vedras venceu o prémio BPI Seniores para a realização do projeto Mais Exercício, Mais Mobilidade, que visa oferecer atividades físicas a pessoas com mais de 65 anos, promovendo o envelhecimento saudável dos seniores do concelho de Torres Vedras.

Sob acompanhamento e prescrição médica e monitorização de resultados, a associação irá oferecer aulas semanais de motricidade aquática, pilates, yoga e fisioterapia aqueles que se tiverem inscrito no Desporto Sénior da Câmara Municipal de Torres Vedras.

Das 412 candidaturas sujeitas a apreciação de um júri presidido pelo Prof. António Barreto, a Física foi uma das 33 bem-sucedidas por oferecer uma resposta para a preservação da qualidade de vida da população sénior, potenciando as suas instalações onde, aliás, a prática desportiva é já um desafio aberto a todas as gerações.

Dos critérios de avaliação a que esteve sujeita a candidatura, destacam-se a relevância da ação, bem como a experiência e solidez da instituição candidata, o que explica também o sucesso da associação em mais esta vitória.

Para Sérgio Galvão, presidente da A.E.F.D., a conquista do prémio (18.000€) para o financiamento do projeto Mais Exercício, Mais Mobilidade valida a importância das atividades que a associação procura promover na comunidade.

“Pensamos que a idade é um obstáculo à prática de exercício, e que esta está sempre ligada a uma recuperação difícil, mas não é assim. Com o aconselhamento técnico de profissionais, a prática desportiva é fundamental para assegurarmos a qualidade de vida dos nossos seniores. Ao mesmo tempo, cria a oportunidade para que estas atividades sejam partilhadas com amigos, num ambiente descontraído. Estes são os objetivos mais elementares doDesporto: saúde e lazer; e aqueles que a Física preza em garantir a todos”, afirmou Sérgio Galvão.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here