Granfondo Torres Vedras Montejunto chega à cidade no Dia Mundial da Bicicleta
publicidade

Dia 19 de abril de 2020, Dia Mundial da Bicicleta, será realizado, pela primeira vez, o Granfondo Torres Vedras Montejunto.

Os atletas irão pedalar em terra de raízes e forte tradição ciclística, onde a serra avista o mar, tendo como meta o local de partida inicial.

Na passada sexta-feira, o futuro Museu Joaquim Agostinho, em Torres Vedras, foi o local escolhido para apresentar esta nova prova de ciclismo na presença de ciclistas, da união Desportiva Do Oeste, forças de segurança (PSP e GNR), sponsors, presidentes de freguesia, presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardes e do CEO da Cabreira Solutions, João Cabreira – diretor técnico da prova.

Trata-se de um desafio feito pela Cabreira Solutions ao Município de Torres Vedras e será “muito mais do que um evento desportivo, será uma prova de turismo ativo onde as pessoas vêm com a família conhecer uma região diferente”, afirmou João Cabreira na conferência de apresentação na passada sexta-feira.

O Granfondo Torres Vedras Montejunto será constituído por três percursos: Granfondo (74Km), Mediofondo (103Km) e Minifondo (146Km). Cabe a cada atleta escolher a distância mais adequada às suas capacidades e objetivos.

Nos dias 16, 17 e 18 de abril, em sintonia com o evnto mais destinado aos adultos, será realizado o Granfondo Kids, um “mini evento” de três dias, destinado a todas as pequenas grandes estrelas do ciclismo, sem qualquer custo para os participantes.

O Granfodo Kids será uma prova em parceria com as escolas do concelho cujo objetivo passa por “promover o desporto e a prática do ciclismo”, explicou João Cabreira. “Todos vão ao pódio, queremos fomentar a diversão e não a competitividade”, acrescentou.

Em sintonia com os percurso do Granfondo, Mediofondo e Minifondo, onde os ciclistas irão pedalar por várias horas consecutivas, irá ser realizada uma caminhada designada a todos aqueles que acompanham, apoiam e vibram com os sucessos dos seus entes queridos em cima da bicicleta.

Esta atividadade terá um máximo de 300 participantes, que deverão realizar a sua inscrição através do site do evento.

Os percursos partem de Torres Vedras e Santa Cruz, Porto Novo, Lourinhã, Bombarral, Montejunto, Vila Verde, Tapada de Mafra e Serra da Vila são algumas das zonas de passagem. “Queremos mencionar e dar a conhecer o património que os três concelhos têm para mostrar”, disse João Cabrina referindo-se aos concelhos de Torres Vedras, Alenquer e Cadaval. Todos os percursos terminam em Torres Vedras.

“Estes dias serão de festividade em prol da utilização da bicicletas e vão contribuir para a economia local”, frisou Carlos Bernardes, presidente de Câmara Municipal de Torres Vedras, que a proveitou a ocasião para revelar que também dia 19 de abril será a inauguração oficial da rede de ciclovias de Torres Vedras.

Medidas de Ecossustentabilidade adotadas pelo evento

“Queremos deixar o território que nos deu a oportunidade de realizar este percurso melhor do que o encontrámos, é este o desafio”, começou por explicar o CEO da Cabreira Solutions.

A susbtituição de copos de plástico por copos de papel, a não utilização de garrafas de água de 0.33cl de forma a reduzir o plástico e a parceria com a ValorSul na separação de lixos na zona de partida/meta, abastecimentos e zonas de refeição do evento são algumas medida adotadas pela organização.

“Este projeto é uma prática saudável e que contribui para a prática ecológica positiva. Enquadra-se na política da Câmara Municipal de Torres Vedras”, referiu o edil.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here