publicidade

No âmbito do seu projeto de cariz social, a Iniciativa «Aconchegar» ofereceu, esta quinta-feira 18 de fevereiro, catorze camas articuladas elétricas ao Centro Hospitalar do Oeste.

Estas camas hospitalares serão instaladas no Serviço de Medicina B da Unidade de Torres Vedras, transformado numa enfermaria dedicada ao tratamento de doentes internados com COVID-19. As novas camas elétricas irão substituir as atualmente existentes, que são camas de ferro, manuais, de difícil manuseamento e já deterioradas. Estes novos equipamentos irão permitir uma maior comodidade e segurança dos utentes, sendo mais adequados às suas necessidades terapêuticas durante o processo de recuperação no internamento. Por outro lado, irão agilizar o trabalho dos profissionais com maior eficácia, celeridade e segurança.

Recorde-se que projeto Aconchegar nasceu como resposta à necessidade de levar conforto a quem mais precisa, e é coordenado pela Fundação São João de Deus e pela Associação Nacional de Parceiros Microsoft, contando com o apoio de um número alargado de embaixadores do setor empresarial e da sociedade civil.

O Conselho de Administração do CHOeste agradece a generosidade da Iniciativa Aconchegar, que nesta fase pandémica, assume grande importância na melhoria da prestação de cuidados de saúde de qualidade e segurança aos utentes, e na motivação dos profissionais deste Centro Hospitalar.

Com a oferta destes equipamentos, o Centro Hospitalar do Oeste dá continuidade à renovação do seu mobiliário hospitalar. Em 2020 foram adquiridas 63 camas elétricas, o que representou um investimento de 97.612€.

O Centro Hospitalar do Oeste integra os hospitais de Caldas da Rainha, Torres Vedras e Peniche, tendo uma área de influência constituída pelas populações dos concelhos de Caldas da Rainha, Óbidos, Peniche, Bombarral, Torres Vedras, Cadaval e Lourinhã e de parte dos concelhos de Alcobaça e de Mafra.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here