publicidade

Teve lugar no passado dia 27 de fevereiro, na sede da secção do PSD da Lourinhã, a apresentação da candidatura “Por um Oeste ainda melhor” aos órgãos distritais da Juventude Social Democrata de Lisboa – Área Oeste.

A sessão, que contou com dezenas de apoiantes, de entre os quais, antigos dirigentes da JSD, começou com a apresentação do mandatário da candidatura, Sérgio Ferreira, um jovem autarca da Lourinhã, Presidente da Junta de Freguesia de Santa Bárbara, cuja escolha exemplifica o empenho, a motivação e as ideias que os agentes desta candidatura pretendem imprimir no seu mandato, caso sejam eleitos.

Posteriormente, interveio o candidato da lista “Por um Oeste ainda melhor” à Presidência da Mesa Distrital, Carlos Cunha, que levou a cabo uma reflexão sobre o seu anterior mandato e apontou as principais linhas de futuro.

Finalmente, Jorge Faria de Sousa, candidato à liderança da Comissão Política Distrital pela terceira vez, iniciou a sua intervenção elogiando o trabalho feito nos últimos quatro anos em que presidiu a estrutura, destacando as diversas batalhas dos dois mandatos em que liderou a secção da JSD em questão, de entre as quais constam, a título de exemplo: proposta de criação da marca “Produto do Oeste”, defesa da reforma e alteração de traçado da linha do Oeste, criação do Conselho Intermunicipal da Juventude, entre outras. De seguida, enunciou algumas das bandeiras porque a presente candidatura lutará caso seja eleita: maior proximidade das estruturas da JSD com os jovens, debate e reforma do papel das Comunidades Intermunicipais, defesa de um sistema de educação com estabilidade e de excelência, debate e proposta de Revisão Constitucional, entre muitas outras. Por último, Jorge Faria de Sousa aludiu ao enorme desafio que constituirão as eleições autárquicas de 2017, onde, além do apoio institucional ao PSD, a JSD procurará reforçar a representação da juventude nos órgãos políticos autárquicos.

“A candidatura Por um Oeste ainda melhor, assume este slogan por acreditar que pode contribuir ainda mais para o desenvolvimento da região do Oeste, cujo crescimento exige que o trabalho não cesse mas, pelo contrário, se preserve e melhore. Porque acreditamos nesta região, porque acreditamos no Oeste!”

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.