publicidade

No passado dia 17 de outubro, reuniu a Comissão Política Distrital da Juventude Social Democrata de Lisboa – Área Oeste, na sua sede, em Torres Vedras, com um dos pontos da ordem de trabalhos a debruçar-se sobre a análise dos resultados eleitorais das eleições “Legislativas 2015” na região.

Da constatação dos resultados eleitorais obtidos, e feita a referida análise, a JSD enaltece a clara vitória da coligação “Portugal à Frente” no Oeste. Destaca a JSD que essa vitória se encontra expressa nos cerca de sete mil votos a mais em relação ao Partido Socialista (segunda força política mais votada na região) no conjunto dos seis concelhos, tendo sido obtida vitória em quatro destes: Arruda dos Vinhos (total de 34,76% dos votos), Lourinhã (total de 51,56% dos votos), Cadaval (40,57% dos votos) e Torres Vedras (39,92% dos votos). A JSD sublinha ainda a votação expressiva dos jovens no concelho de Arruda dos Vinhos ao lado da coligação “PàF” (verificada pela vitória nas mesas de voto dos eleitores mais jovens) e ainda a esmagadora maioria alcançada pelo PSD e CDS-PP no concelho da Lourinhã (num total de 51,56% dos votos).

Sobre a campanha em si, a estrutura da JSD do Oeste mostra-se bastante satisfeita com a forma como esta decorreu. Realça o facto de terem sido levadas a cabo visitas a empresas da região que, em tempo de crise, superaram os desafios e conseguiram gerar emprego nas áreas do turismo, agricultura e diversos tipos de indústria; refere também que gostou de contactar e de perceber que, no Oeste, várias IPSS se têm revelado um verdadeiro exemplo para todo o país. Por fim, destaca o modelo de proximidade em relação às pessoas aplicado ao longo da campanha eleitoral, explanado nasceu variadas ações de rua e ainda na já habitual volta às escolas promovida por esta estrutura, com intuito de aproximar os jovens da política e de os alertar para problemas sérios da sociedade atual.

A JSD revela-se ainda satisfeita pelo facto de, no passado ato eleitoral, ter conseguido ter um candidato seu, e da juventude, Jorge Faria de Sousa, que representa, embora não tendo sido eleito, uma enorme dedicação à causa defendida e que continuará a dar o melhor de si pela juventude oestina e pela região, ao exercer as funções de Presidente da JSD Distrital Lisboa-Área Oeste.

A JSD felicita ainda a eleição do Deputado Duarte Pacheco, Presidente do PSD Oeste, e confia na sua competência e capacidade para representar o Oeste ao longo de todo o mandato.

A JSD agradece a confiança depositada pelos cidadãos do Oeste na coligação “Portugal à Frente”, mas também agradece a todos aqueles que votaram, de uma forma geral, independentemente da força política em que o fizeram (sendo que 59,14% dos eleitores oestinos foram às urnas no passado dia 4 de outubro, número acima do total nacional).

Sobre a situação política atual, o candidato pela coligação “Portugal À Frente” e Presidente da JSD Oeste, Jorge Faria de Sousa, referiu que “a coligação PAF venceu as eleições e foi a força política que obteve mais votos e mais mandatos e, como tal, é quem tem legitimidade para governar. No entanto, temos de aguardar que durante esta semana o Presidente da República receba os partidos com assento parlamentar e esperar com serenidade que seja possível estabelecer pontes entre a coligação e o PS. Para isso, é necessário que o PS coloque o interesse nacional à frente dos interesses pessoais do seu líder e dos interesses partidários. Estes são tempos que exigem responsabilidade e sentido de Estado, para bem de Portugal e dos portugueses”.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.