JSD sugere a criação de um parque de estacionamento de grandes dimensões em Santa Cruz
publicidade

A Juventude Social Democrata (JSD) de Torres Vedras abordou o tema – ordenamento
territorial da região de Santa Cruz na última Sessão Ordinária da Assembleia Municipal.

No passado dia 24 de Junho realizou-se mais uma Sessão Ordinária da Assembleia Municipal. No momento dedicado à participação do público a Juventude Social Democrata (JSD) de Torres Vedras usou da palavra abordando o tema – ordenamento
territorial da região de Santa Cruz.

No discurso, apresentado militante Carlos Miguel Esteves, “foi destacada a falta de lugares de estacionamento na proximidade das praias de Santa Cruz”, e apresentado um conjunto de sugestões.

Uma das sugestões foi criação de um parque de estacionamento de grandes dimensões e mais afastado das praias que permitisse receber os veículos de quem opta por frequentar as mesmas. Como sugestão para a localização deste parque foi indicada a zona em frente ao parque de campismo, onde se encontram o campo de tiro e a pista de karts.

Nos parques de estacionamento encostados às praias, por sua vez, foi sugerida a introdução de parquímetros, “eventualmente geridos pela Promotorres de modo a aproveitar o seu trabalho desenvolvido em Torres Vedras, garantindo o desvio de veículos para o estacionamento mais afastado, especialmente para períodos de longa
duração”, lê-se em comunicado enviado ao TORRES VEDRAS WEB.

De modo a diminuir o tempo de deslocação até à praia, foram sugeridas ainda duas possibilidades: o reajustamento do percurso do comboio de Santa Cruz, de modo a passar pelo estacionamento com uma regularidade constante e a introdução um segundo comboio, especialmente importante para o mês de Agosto devido à maior afluência aí verificada. Esses comboios seriam de utilização gratuita e financiados pelas receitas resultantes dos parquímetros nos estacionamentos junto às praias, “garantindo assim um incentivo à sua utilização”.

Em segundo lugar, a reprodução do sistema das bicicletas Agostinhas, com postos ao longo de Santa Cruz, para quem preferir deslocar-se desse modo, “servindo também de incentivo à utilização desse meio de circulação não poluente”.

“Como continuação do projeto já iniciado em Torres Vedras, a criação de uma ciclovia em volta de Santa Cruz facilitaria essa circulação, não só entre o estacionamento e as praias como entre todos os pontos de principal afluência”, explica a JSD

A intervenção terminou com uma referência ao facto de Santa Cruz ter um grande potencial a nível turístico, e daí a sugestão destes aspetos como bases para o seu desenvolvimento sustentável.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here