publicidade

“Os torrienses percebem que para terem cuidados de saúde com qualidade têm que ter um único hospital que possa servir todos”.

Esta quinta-feira, dia 4 de maio, Laura Rodrigues participou na audição, no âmbito da petição “Um Hospital para todo o Oeste”. A petição conta com 29.029 assinaturas, reunindo as condições necessárias para subir a plenário.

Os torrienses percebem que para terem cuidados de saúde com qualidade têm que ter um único hospital que possa servir todos, tal qual é advogado pelos agentes da saúde e por aqueles que queremos atrair para trabalharem nos hospitais” defendeu, explicando que as “más condições de trabalho” no Hospital de Torres Vedras se refletem na dificuldade em atrair recursos humanos.

Lembrando que Torres Vedras é a opção mais a sul apontada no estudo encomendado pela OesteCIM à NOVA Information Management School, a Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras destacou que “quer uma quer outra, são localizações perfeitamente interessantes” uma vez que ambas “têm as melhores condições, estão já indicadas como espaços para equipamentos e estão ao pé da autoestrada”.

publicidade

Artigo anteriorMaior festa da ginástica do Oeste está a chegar
Próximo artigoPonte do Rol acolheu a primeira sessão do Orçamento Participativo de 2023

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui