Foto: RádiOeste

O mau tempo que se fez sentir esta manhã, com muita chuva e fortes rajadas de vento, provocou estragos um pouco por todo o concelho de Torres Vedras, com especial incidência na freguesia do Turcifal, Torres Vedras e Silveira.

De destacar algumas vítimas que necessitaram de tratamento hospitalar, no entanto sem gravidade. A nível material, graves danos na cobertura da zona de espera no Terminal Rodoviário, na cobertura do pavilhão da Expotorres e no angar do Aeródromo de Santa Cruz, mas também árvores derrubadas, queda de estruturas e alguns acidentes rodoviários, num total de 73 ocorrências.

No terreno, cerca de 60 operacionais, desde elementos da Proteção Civil, Bombeiros Voluntários, Câmara Municipal, Sapadores Florestais, Juntas de Freguesia, EDP e PT, trabalharam até ao final da tarde para repor a normalidade.

Fonte dos bombeiros de Mafra disse à agência Lusa que a queda da cobertura de um hipermercado em A-da-Perra, Mafra, causou ferimentos a uma pessoa.

A superfície comercial acabou por ser evacuada, disse fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa.

Na Lourinhã, a queda de uma chaminé provocou estragos num automóvel, enquanto no Cadaval caiu a cobertura do Clube Atlético, segundo os comandantes dos bombeiros das corporações locais.

Os bombeiros e a Proteção Civil registaram, na Região Oeste, diversas ocorrências, desde telhados danificados, quedas de árvores, de postes de eletricidade e de telecomunicações, de cabos elétricos e de telecomunicações, de caixotes do lixo e de ecopontos, de sinalização vertical e semafórica e de painéis publicitários, não só em Mafra, Lourinhã e Cadaval, mas também Alenquer, Arruda dos Vinhos, Sobral de Monte Agraço, Torres Vedras, Peniche, Bombarral, Caldas da Rainha, Alcobaça e Nazaré.

publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here