publicidade

463 participações foram contabilizadas nas 10 provas de vinho gratuitas realizadas quinzenalmente, ao final da tarde de sextas-feiras, entre os dias 28 de abril e 1 de setembro, na Azenha de Santa Cruz.

De referir que, dessas participações, 78 foram de cidadãos estrangeiros, principalmente oriundos do Brasil (41) e França (14).

Nessas provas, que foram organizadas pela Câmara Municipal de Torres Vedras, foi possível degustar os seguintes vinhos produzidos no concelho de Torres Vedras: Quinta da Casa Boa Merlot, Quinta da Casa Boa Tinta Roriz/Touriga Nacional (da Quinta da Casa Boa), Dory Branco, Espumante Bruto Blanc des Blancs (da Adega Mãe), Património Tinto, Património Branco (da Bonifácio Wines), Alma Vitis Branco, Alma Vitis Tinto (da Adega Cooperativa de São Mamede da Ventosa), Quinta da Almiara Tinto, Quinta da Almiara Branco (da Quinta da Almiara), Maria Afonso Frizante, Marco Velho Tinto (da Adega Cooperativa de Dois Portos), Fonte das Moças Tinto, Fonte das Moças Branco (do produtor João Melícias), Folgorosa Branco, Folgorosa Cabernet Sauvignon (da Quinta da Folgorosa), Quinta da Boa Esperança Rosé, Quinta da Boa Esperança Branco (da Quinta da Boa Esperança), Carrasqueira Malvasia Branco, Carrasqueira Tinto (da Casal da Carrasqueira), Velhos Tempos Tinto e Velhos Tempos Branco (da Adega Cooperativa da Carvoeira).

Com esta iniciativa, realizada pelo segundo ano, pretendeu-se promover os vinhos torrienses num local turisticamente emblemático num período do ano de relevante afluência ao mesmo.

CMTV

publicidade

Artigo anteriorJovem de 14 anos resgatada na Lourinhã após ter caído num buraco
Próximo artigoTorres Vedras é local de partida para a segunda etapa da Volta a Portugal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui