publicidade

As apostas desportivas vieram para ficar. Um pouco por todos os mercados mundiais existem cada vez mais operadoras com conteúdos virados para este tipo de entretenimento digital.

Em Portugal, esta prática resulta em cerca de 43,5% da atividade online do segmento, segundo os dados do Serviço de Regulação Inspeção de Jogos (SRIJ), entidade reguladora e representante legal para este mercado no país.

O futebol é o rei dos desportos em Portugal, o mesmo ocorre no campo das apostas desportivas, onde é o mais procurado. No entanto, há outras modalidades que entram nas preferências dos portugueses, uma delas é o basket  — ou basquetebol, num termo mais comum —, e, inevitavelmente, a NBA está associada ao tema, afinal, estamos a falar da liga de basquetebol mais popular do mundo.

Neste sentido, o presente artigo pretende ser um guia rápido sobre os pontos a ter em conta para quem deseja explorar o segmento das apostas em basquetebol, tendo a NBA como base de partida.

5 pontos a ter em conta para apostar na NBA

1. Variedade de apostas

Uma das grandes vantagens da NBA é a variedade de apostas disponíveis. Nas plataformas online especializadas em apostas na NBA existem possibilidades para todos os gostos e tipos de eventos.

As apostas mais comuns são: vencedores (resultado final), handicap e mais/menos. No entanto, existem também aquelas que os utilizadores mais experientes preferem, as focadas nos jogadores, no intervalo ou então as relacionadas com os períodos de tempo.

Em qualquer caso, o importante mesmo é analisar cada tipo de aposta e perceber os momentos de forma das equipas e, claro, como estas agem nestes referidos momentos.

2. Rotações, descansos e… lesões

Especialmente na NBA, estes dados têm um valor tremendo. Saber se o treinador descansa um jogador-chave pode mudar completamente o rumo do jogo.

Por exemplo, se um jogador com grande capacidade de ressalto e decisivo na sua equipa dá o lugar a outro com um perfil totalmente diferente, pode ter um impacto decisivo no contexto da equipa.

É ainda necessário ter em conta quaisquer lesões que os atletas possam ter sofrido. Uma contusão no jogador mais importante da equipa também tem o potencial de alterar completamente o resultado do jogo.

3. Quem joga em casa

Outro dos pontos a ter em conta é exatamente quem joga em casa.

Embora em alguns casos possa não ser tão significativo, num jogo da NBA o ideal é olhar para o calendário e entender a forma caseira da equipa.

Por um lado, há algumas equipas que são capazes de se sair muito bem enquanto visitantes, mas há outras que não vão ter o mesmo rendimento. Logo, nada como explorar a forma em casa e decidir se isso será ou não um fator a considerar.

E claro, outro dado que joga com este “fator casa” é também a presença do público e dos adeptos. Um ambiente caloroso ou hostil pode influenciar o resultado.

4. Baixas de última hora

Antecipar o valor das odds, caso exista uma baixa de última hora, é também um passo crucial para entender o possível desfecho de uma partida.

No caso, é estar atento ao alinhamento das equipas e perceber se existe algum jogador a ficar de fora. Este tipo de lesão pode ocorrer em aquecimentos ou até durante o estágio antes da partida.

Dessa forma, existe sempre um antes e um depois nas respectivas odds. Isto porque estas variam em tempo real, especialmente quando se trata de um jogador chave na equipa.

Na maioria das vezes as operadoras têm estes fatores em conta e atualizam o quadro das apostas em questão de minutos.

5. Todas as estatísticas contam

Seja em que desporto for, o fator estatístico conta e muito.

Por exemplo, quantas vezes se lê a percentagem de posse de bola no futebol? Quem tem mais controlo sobre o jogo, por norma, está por cima e cria mais lances de perigo.

Já no basquetebol, apesar de as percentagens serem muito mais estáveis, isto porque é ataque e defesa constante, quem tem mais bola, está mais perto de ganhar.

Assim, a equipa que lança mais, faz mais pontos, tem mais ressaltos, é aquela que tem mais hipóteses de levar o favoritismo na aposta. Logo, nada como estar atento aos dados estatísticos e entender os diversos momentos de jogo das equipas.

Por último, uma nota quanto às operadoras de apostas. Com a transformação digital em voga em muitos setores, esta também afeta positivamente este segmento. Isto porque, graças a tecnologias inteligentes, as marcas asseguram estatísticas reais, com um catálogo desportivo diversificado, independentemente do respetivo país.

Em suma, seja basket ou outro tipo de desporto, nada como entender o contexto do mesmo e recolher o máximo de informação. Desta forma, as apostas são mais conscientes e responsáveis.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here