publicidade

Sábado 12:30…bolas o despertador outra vez…já estou a perder um dos momentos mais aguardados do nosso Carnaval…assistir à chegada dos carros alegóricos à cidade…espreguiço-me mais uma vez, um bocejo, os lençóis a prenderem-me à cama, mas eu sou mais forte e dou um pulo cheio de energia (como se fosse possível depois do “arrastão” que sofri ontem à noite) para não perder nenhum momento do nosso Carnaval…ah…já me esquecia…deitei-me à bocadinho…eram oito e pouco…primeira promessa (a de chegar cedo a casa falhada…vou ter de compensar isto)

A máscara de ontem ainda está ali a olhar para mim, com desdém, quase que a afirmar “Bonitas figuras as tuas…”. Agarro no telemóvel e dou uma vista de olhos pelas centenas de selfies distorcidas tiradas ontem, com gente que nunca vi na vida (mas só gente gira) e preparo-me para um banho retemperador!

Lá fora o batuque dos Zés Pereiras faz antever um sábado energético, com uma cidade “à pinha” a divertir-se como se não houvesse amanhã! Meia dúzia de mensagens para tentar encontrar companhia para o almoço e lá se juntam “à minha fome” 3 foliões ainda por desmascarar…vamos enganar o estômago com uma alheira, batatas fritas e um ovo estrelado…olha, aqui neste restaurante as louras bonitas e frescas estão enfiadas num copo de vidro…vivó luxo!

São 16h30 e o alvoroço de ontem deu lugar a uma cidade que já se veste para a segunda noite, onde os mais de dois mil mascarados que são parte integrante do concurso ultimam os pormenores das suas máscaras mantidas em segredo nalguns casos até dos próprio elementos do grupo!

Agora sim, vou ver em pormenor os carros alegóricos, admirar o trabalho magnífico de artistas torrienses, do melhor que existe a nível nacional, tal o nível de execução, de pormenor, de realismo com que nos brindam ano após ano! Estão cá todos representados, os políticos, os desportistas, os honestos e mentirosos, os que estão na corda bamba e os equilibristas, figuras de estado e até os políticos locais, não fosse este um dos maiores legados do nosso Carnaval, brincarmos com nós mesmos!

O jantar de hoje nem vos conto…entramos num restaurante da moda no Carnaval, vestidos a preceito como a data exige, e foi começar a vê-las a desfilar…matrafona atrás de matrafona cada uma mais avantajada que a outra, com as suas roupinhas sexy’s, rimel baton e blush, e o mais impressionante, à vista desarmada montes de fisgas rendadas e à estreia, que até íamos ficando todos trocados, ao pé disto o desfile dos “anjos da Vitoria Secret” é fruta do chão!

De barriga cheia começamos a traçar a rota no carnaval maps para a noite, que quando dermos por isso será dia. Primeira paragem concurso grupos mascarados: imperdível…mais de dois mil figurantes com máscaras de acordo com o tema da festa “Brinquedos e Brincadeiras”, são os artistas principais no carnavalódromo com mais de 1 km de extensão…arrisco-me a dizer que ao fim de quatro dias todos eles fizeram uma meia maratona mascarados…dava record do guiness aposto (como é que nunca me lembrei disto)! E como bom concurso que se preze há prémios fantásticos em disputa (esta palavra não se diz, mas pode-se escrever)…um estandarte real aplicado num varão de cortinado de pau feito com uns bons 2 metros, e um penico de loiça típica da Marinha Grande…é uma das únicas importações deste Carnaval…isto a juntar a uma sande de manteiga e um sumo sem gás…podiam oferecer uma loura aos pulos enfiada num copo de plástico que eles agradeciam!

Vistos os cerca de quatro dezenas de grupos consultamos o carnaval maps, uma aplicação moderna em formato papel que podes encontrar na revista oficial do carnaval, para androides iossses e matrafonix, que indica sempre um spot privilegiado para começar a foliar. Só assinala meeting points, contentores para curativos rápidos e SOS toilets, e depois há uma série de bolinhas vermelhas que parece que o maps está cheio de sarampo. Afinal neste caso o sarampo é onde se encontram as louras no recinto do corso e digo-vos…há praticamente uma loura por metro quadrado!!! E aos pulos…já vos tinha dito…

Pouco passa da meia noite e já cantamos “ó balancé balancé” quando de repente ecoa a altos berros a “praga” do momento…”Maria Leal aqui só para ti…” é um grupo de mascarados a preceito, homens de barba rija em roupas reduzidas e unhas dos pés por cortar que irrompe por meio da multidão e faz furor em pleno coração da cidade. Não há quem não tire fotos e até o nosso já reduzido grupo deixa-se levar pela tentação. Entre o Trump e a Maria Leal apoiamos sempre o produto nacional e nenhum deles sabe onde é a Suécia! Neste momento a imagem de capa do Twiter do Trump é o monumento ao Carnaval de Torres.

Está na hora de nos perdermos nas ruas e vaguear de bar em bar, vamos “Levantar Poeira”, conduzindo um “Camaro Amarelo”, na esperança de transformar Portugal num “País Tropical”, pedir um “Beijo na Boca” e sujeitarmos-nos a levar uma “Lambada”, mas é Carnaval e ninguém vai levar a mal.

Amanhã de manhã conto-te o resto da noite de hoje…a ida ao Túnel e a sandes de cozido na praça…

PS – este texto é fictício…mas até sábado…tudo pode acontecer!

 

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.