publicidade

Associação Oceanos Sem Plásticos esteve numa ação de limpeza com 36 alunos da Escola Básica 123 de Peniche.

A Associação Oceanos sem Plásticos, com sede em Torres Vedras, esteve na sexta-feira, 11 de novembro, numa ação de limpeza em Peniche.

“Esta iniciativa nasceu através de uma parceria realizada com a SPEA, Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves, uma das mais prestigiadas organizações ambientalistas do país e ambas as instituições sensibilizaram 36 crianças da Escola Básica 123 de Peniche”, pode ler-se em comunicado.

Duas turmas do 6°ano deslocaram-se à praia do Molhe Leste em Peniche e realizaram uma grande ação de limpeza, onde viram uma quantidade significativa de lixo marinho. Desde os pequenos microplásticos, a garrafas de água, jerrican de combustível, embalagens várias, cordas, material de pesca, entre outros.

Esta ação educativa insere-se no projeto Microplásticos: “O Tesouro Perdido”, um projeto da Oceanos Sem Plásticos que tem passado em escolas de vários concelhos do Oeste e tem como objetivo educar sobre o perigo dos microplásticos, trazer as crianças para a natureza e incentivar a limpeza das praias, sensibilizando para as consequências das alterações climáticas e potenciar o amor pelo Planeta”, segundo comunicado.

A SPEA tem como missão proteger as aves portuguesas e os habitats ímpares de que dependem. Com a ajuda dos sócios, voluntários e parceiros, acompanham o estado das aves, constroem ninhos, removem espécies invasoras, lutam por melhores leis, combatem os crimes contra o ambiente, entre outros.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here