publicidade

A Comunidade Intermunicipal do Oeste (Oestecim) lamentou hoje a morte do presidente da Câmara de Torres Vedras, que “trabalhou afincadamente em prol” da região, e decretou três dias de luto intermunicipal.

“Foi com profundo pesar que a Comunidade Intermunicipal do Oeste recebeu a notícia do falecimento do presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardo, esta segunda-feira”, lê-se numa nota da Oestecim.

A Oestecim presta, assim, “sentida homenagem à memória do presidente torriense que, com o seu empenho, dedicação e determinação, trabalhou afincadamente em prol da promoção, defesa e desenvolvimento do Oeste”.

Afirmando que a morte de Carlos Bernardo é uma “enorme perda” para a região e para o país, a Oestecim endereça “sentidas condolências” à família e amigos.

“A Oestecim declara, a partir de hoje, três dias de luto intermunicipal”, é ainda indicado no comunicado.

O presidente da Câmara de Torres Vedras, Carlos Bernardes, foi hoje encontrado morto em casa, em circunstância ainda por esclarecer.

Carlos Bernardes, 53 anos, era presidente daquela autarquia desde 01 de dezembro de 2015.

Em março, a comissão política de Torres Vedras do PS aprovou a recandidatura de Carlos Bernardes à presidência do município, no distrito de Lisboa, nas autárquicas deste ano.

Carlos Bernardes ganhou pela primeira vez a corrida à presidência da câmara em 2017 e foi vice-presidente entre 2005 e 2015.

Em 2015, assumiu o cargo de presidente quando o então líder do executivo, Carlos Miguel, renunciou ao mandato para assumir funções no Governo.

publicidade

Artigo anteriorTeatro “Revela-me” no Teatro-Cine de Torres Vedras
Próximo artigoCerimónias fúnebres de Carlos Bernardes
Agência Lusa
A Lusa é a maior produtora e distribuidora de notícias sobre Portugal e o mundo, em Língua Portuguesa. A Lusa acompanha a atualidade nacional e internacional a cada segundo, e distribui informação em texto, áudio, foto e vídeo. A rede Lusa de correspondentes cobre geograficamente todo o país e está presente em 29 de países do mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui