publicidade

Atividade acontece no dia 9 de março.

Uma oficina de expressão plástica e reutilização de têxteis com Ana Baleia vai ser proporcionada na tarde do próximo dia 9 de março, das 15h00 às 17h30, na Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino.

Será uma atividade que terá duas partes: uma primeira, em que se efetuará uma visita orientada à exposição A_WEAR + FIGURE OUT, da autoria de Ana Baleia; e uma segunda, de caráter prático, em que se criará peças com formas de frutos e flores, reutilizando têxteis descartados e recorrendo a diversas técnicas manuais, sendo que essas peças irão integrar a instalação Respirar a plenos pulmões, que se encontra patente na Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino.

As inscrições na atividade são gratuitas, mas requerem inscrição prévia, que deve ser efetuada até 7 de março pelo email: fabricadashistorias@cm-tvedras.pt; ou pelos números de telefone: 261 320 738 | 261 315 428.

Sobre Ana Baleia

Vive e trabalha em São Luís (Odemira) há 15 anos. Nasceu em Cascais em 1979, licenciou-se em design de moda na faculdade de arquitetura de Lisboa e no mesmo ano em que se licenciou foi uma das vencedoras do concurso Jovens Criadores, na categoria de Moda, tendo, devido a esse facto, representado Portugal na Bienal de Atenas.

Trabalhou como designer, colaborando com criadores e marcas de vestuário, até ir viver para Cabo Verde, onde foi designer de uma marca local. Decidiu ir viver para o Alentejo em 2008, e, desde então, desenvolve o seu trabalho como designer, figurinista e artista visual, sempre com os têxteis como matéria-prima, colaborando com várias marcas, companhias de teatro, bailarinos, performers e encenadores. Em março de 2021, o seu projeto “TEX REX” foi um dos selecionados para o Programa de Apoio ao Empreendedorismo Criativo “Magallanes_ICC”. Em 2022 apresentou a sua primeira exposição individual, no Centro de Artes de Sines, a que se seguiu a apresentação de uma outra, no espaço CRIAR (Odemira). Em 2023 a Galeria Plato, em Évora, acolheu a sua exposição Re Search TEX TEX.

É cofundadora da Associação Cultural e Artística Ateneu do Catorze, sediada em São Luís, no espaço da qual tem o seu ateliê, sendo que partilha o espaço dessa associação com os restantes membros da mesma. Há vários anos que desenvolve projetos dedicados ao upcycling, procurando agir localmente e contribuir para uma economia circular na área dos têxteis. Foi, em 2023, uma das artistas apoiadas pelo programa “Culture Moves Europe” (financiado pela Europa Criativa, União Europeia e implementado pelo Goethe-Institut).

publicidade

Artigo anteriorPrimeira Remodelação: Guia para Iniciantes
Próximo artigo“Conversas com Pais (& Filhos)”: Sessão sobre prevenção da violência no namoro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui