publicidade
Estudo sobre a capacidade para nadar das pessoas com Doença de Parkinson

CNS – Campus Neurológico vem por este meio solicitar a colaboração dos doentes com Doença de Parkinson e seus familiares para um estudo que está a decorrer sobre a capacidade para nadar das pessoas com Parkinson.

As pessoas com Doença de Parkinson podem apresentar alterações ao nível dos movimentos corporais, levando ao aparecimento de tremor, rigidez, lentificação dos movimentos e alterações da marcha. Existem alguns relatos que sugerem que os doentes com Doença de Parkinson podem apresentar dificuldades em nadar, mesmo na fase inicial da sua doença. Sendo a natação uma atividade lúdica, é importante perceber se existe, de facto, uma alteração desta capacidade por parte dos doentes.

Em contexto de tese de mestrado em Neurociências, orientada pelo Professor Doutor Joaquim Ferreira na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, elaborou-se um questionário com o objetivo de avaliar as eventuais dificuldades sentidas pelos doentes enquanto nadam. O questionário é dirigido a doentes com Doença de Parkinson, devendo ser preenchido pelo próprio ou por familiares/cuidadores caso o doente não consiga, e devendo as respostas refletirem apenas a opinião dos doentes.

É muito importante que o preenchimento deste questionário seja feito de uma forma cuidadosa, de modo a obter-se dados rigorosos sobre este potencial problema.

Se estiver interessado em participar neste estudo, por favor preencha o questionário em:https://pt.surveymonkey.com/r/nadarparkinson. O sucesso deste estudo depende da colaboração do maior número possível de doentes.

Maria Ana Neves
Aluna de mestrado, responsável pelo estudo

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.