publicidade

A cerimónia de entrega do Prémio Municipal de Arquitetura da Câmara Municipal de Torres Vedras 2016-2019 decorreu no passado dia 21 de maio, em frente ao Edifício Multisserviços da Câmara Municipal de Torres Vedras. Criado há 25 anos, este prémio visa distinguir obras de reabilitação de edifícios existentes e novos edifícios, revestindo-se de importância para a valorização e preservação do património construído.

Segundo o vereador da Gestão Urbanística da Câmara Municipal de Torres Vedras, Bruno Ferreira, a quem coube a abertura da cerimónia, “a reflexão produzida em torno deste Prémio, bem como a partilha de boas experiências, tem permitido uma consciencialização da arquitetura produzida no nosso Concelho, identificando tendências e relevando boas práticas no exercício da arquitetura.”

Já a presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues, referiu que “ao longo dos últimos anos, assistimos a uma mudança muito significativa daquilo que é o nosso espaço público”, destacando a qualidade das intervenções realizadas em Torres Vedras. Este trabalho tem um efeito de contaminação positiva junto dos proprietários “que vão apresentando cada vez melhores projetos”, rematou a autarca.

Para esta edição do prémio foram selecionados 27 projetos integrados em duas categorias: “Edificação Nova”, onde se incluem obras relativas a edifícios de habitação coletiva, edifícios de habitação unifamiliar, conjuntos de edifícios e outras edificações que não se enquadrem nas anteriores; e “Intervenções em Edifícios Existentes”, que inclui as obras de restauro, remodelação ou reabilitação de imóvel existente.

Na categoria “Edificação Nova” os projetos distinguidos são:

  • Menção Honrosa para a habitação unifamiliar localizada na Boavista
    Requerente: Nuno Vicente Nunes
    Autor do projeto: Nuno Filipe Santos Valentim
  • Prémio para o estabelecimento de Hospedagem Noah Surf House, em Santa Cruz
    Requerente: Empreendimentos Turísticos da Física, Lda
    Autor do projeto: Alexandra Luísa Severino de Almeida e Paiva

Na categoria “Intervenções em edificações existentes” os projetos distinguidos são:

  • Menção honrosa para a reabilitação de habitação na Maceira
    Requerente e autor do projeto: Jorge Fernando Faria Pinheiro Bonifácio
  • Prémio para a reabilitação da Quinta Nossa Senhora da Oliveira, em Matacães
    Requerente: Nuno Marques Pragana da Cruz Morais
    Autor do projeto: Bruno Sousa Ribeiro

A seleção das obras, com autorizações de utilização de 2016 a 2019, foi efetuada por uma Comissão de Seleção, constituída por técnicos da Câmara Municipal de Torres Vedras. A que se juntaram as autopropostas, que completaram o todo sujeito a apreciação pelo júri do Prémio Municipal de Arquitetura.

O júri desta edição foi composto pelo arquiteto e vereador da Gestão Urbanística da Câmara Municipal de Torres Vedras, Bruno Ferreira, pelo arquiteto nomeado pela Ordem dos Arquitetos, Rodolfo Reis, pelo representante nomeado pela Associação para Defesa e Divulgação do Património Cultural de Torres Vedras, Luís Filipe Rodrigues, e pelo arquiteto nomeado pela Câmara Municipal de Torres Vedras, César Deus.

Os 27 projetos selecionadas para o Prémio Municipal de Arquitetura 2016-2019 podem ser apreciados na exposição patente, até 30 de maio, em frente Edifício Multisserviços da Câmara Municipal de Torres Vedras.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here