Torreense/Caldas/Ubunto Rugby mostram o seu valor no Rugby Nacional
publicidade

A contar já para a II Jornada da Fase de Apuramento do Campeonato Nacional Sub-16, os jovens atletas do Oeste, na sua equipa conjunta Torreense Rugby / Caldas Rugby Clube e Ubunto, fizeram frente à jovem mas poderosa equipa do GD Alcochetense. Em pleno Estádio Nacional do Jamor, os Torreenses e seus companheiros iam tentar fazer justiça ao resultado anterior (derrota frente ao GDDireito) e assim conquistar o 2º Lugar do grupo e garantir a presença no Play-off de acesso à fase final do campeonato (Top12 equipas do país.)

O jogo começou e progrediu muito intensamente onde ambas as equipas, apesar de atacarem agressivamente, cometiam alguns erros de manuseamento e bola. E foi assim que, após algumas fases de conquista que a equipa ribatejana do GD Alcochete chegou ao primeiro ensaio. Contudo não foi isso que fez que os guerreiros do Oeste baixassem os braços. Após defenderem freneticamente dentro do seu meio campo e depois de (re)conquistarem a bola com excelentes “Turn-overs”, foi a vez de Martim Domingues (Caldas Rugby Clube) através da sua leitura clínica e agilidade que abriu a defesa a meio e marcou o 1º ensaio do Caldas / Torreense / Ubunto, convertendo o seu próprio ensaio.

Previa-se um jogo intenso, especialmente graças à intensidade que o GD Alcochetense imponha e ao poderio do seu pack avançado. Após várias tentativas de ataque bem montados pelos atletas do Oeste e de não conseguirem concretizar em pontos, foi o GD Alcochete que aproveitou e marcou ainda 3 ensaios na primeira parte, deixando o resultado em 26-7.

Demonstrando o puro espírito que o Rugby revela e a determinação dos atletas do Oeste, a 2ª parte começou novamente com muita intensidade e com muitas oportunidades de ambas as partes. Foi assim que, após conquistarem muito terreno e uma das suas “touches” que o atleta e capitão de Equipa António Pardal (Caldas Rugby Clube) chegou ao 2º ensaio da equipa, embrulhado e engolido nos abraços dos seus companheiros de equipa. Martim Domingues assumiu e cumpriu com a conversão. 26-14 e a esperança ainda morava nos corações dos atletas. Contudo e simplesmente graças a pequenos erros por parte da equipa do Oeste fez com que o GD Alcochete traduzisse em pontos, marcando no total mais 2 ensaios até ao final do jogo, deixando em 40-14.

Mesmo assim o Torreense / Caldas / Ubunto mostrou sempre a vontade de querer fazer frente ao desafio que tinha adiante e foi assim que, depois de conquistarem mais um alinhamentom chegaram a mais um ensaio. Desta vez dentro dos seus 22 metros e após uma jogada táctica ao pé que o 2º Centro Rui Miguel Rodrigues (Torreense Rugby) captou a bola depois do ressalto e correu mais de 70 metros e, apesar de estar a ser perseguido, marcou ensaio por debaixo dos postes. Martim Domingues fez as honras e somou mais 2 pontos, deixando o resultado em 40-21.

Apesar da derrota, os atletas Torreenses , Caldenses e do Ubunto saíram do jogo de cabeça erguida pelo esforço que demonstraram e o sacrífico a determinação de nunca baixarem os braços.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here