Torres Vedras investe dois milhões de euros nas redes de água e saneamento
publicidade

O investimento destina-se à instalação de ramais e construção do reservatório para servir as localidades de Monte Redondo e Lobagueira, do saneamento em diversas localidades e do intercetor de esgotos do Casal de S. Gião.

A Assembleia Municipal de Torres Vedras autorizou ontem os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) a investir dois milhões de euros em diversas empreitadas nas redes de água e saneamento do concelho, no distrito de Lisboa.

O presidente da câmara e dos SMAS de Torres Vedras, Carlos Bernardes, disse que a cobertura de saneamento é na ordem dos 94% e o objetivo, com estas intervenções, é aumentar o tratamento de águas residuais domésticas.

O investimento destina-se à instalação de ramais e construção do reservatório para servir as localidades de Monte Redondo e Lobagueira, do saneamento em diversas localidades e do intercetor de esgotos do Casal de S. Gião.

Vão ser também construídas ou prolongadas as redes de água e saneamento.

O investimento vai ser repartido entre este ano e o de 2019.

As propostas para a assunção dos compromissos plurianuais foram aprovadas por unanimidade.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here