O Município de Torres Vedras esteve representado num encontro que se realizou, entre 24 de agosto e 3 de setembro, em Araraquara (São Paulo, Brasil), no âmbito do projeto “Arte ao Centro” e na sequência do convite realizado por Lauro Monteiro e Euzânia Andrade, promotores deste intercâmbio. Esta visita foi realizada pela Vereadora da Cultura, Ana Umbelino, por dois técnicos da Câmara Municipal de Torres Vedras, Marta Machado e André Baptista, e pelo artista plástico torriense António Bártolo.

Do programa da visita, realce para a realização de um conjunto de oficinas ligadas à Aguarela, orientadas por António Bártolo, e de “Diário Gráfico – Desenho de Património”, por André Batista, que contaram com 103 participantes.

No campo das exposições destaque para a inauguração de “Arte 220 – Espaço Criativo”, da autoria de Marta Machado e Catarina Sobreiro e para a mostra de desenhos de sketchers torrienses e araraquarenses, patente no Museu H.P “Voluntários da Pátria”, que surgiu na sequência do Encontro Internacional de Desenho de Rua, em Araraquara.

O Gris Ateliê acolheu, ainda, a exposição “Coletivo Brasil 2015/2016”, promovendo o reencontro com artistas brasileiros que estiveram em residência artística em Torres Vedras, no âmbito do “Arte ao Centro”. Paulo Delphini acompanhou este evento em Torres Vedras em 2016 e realizou um documentário que foi, nesta visita, apresentado e exibido a todos os intervenientes. O Bang Awards – Festival Internacional de Cinema de Animação de Torres Vedras – também “viajou” até Araraquara, onde foram exibidas curtas do festival.

Por último, ainda no campo das exposições, inaugurou no espaço do Palacete das Rosas a mostra coletiva de artistas contemporâneos de Torres Vedras, com obras de João Francisco, João Henriques, João Paulo Barrinha, Ema M, Patrícia Sobreiro, Pierre Linares, Marga Diks e Olga Neves.

A par de comunicações realizadas na Universidade Paulista e na Câmara Municipal de Araraquara sobre processos de regeneração urbana de Torres Vedras, a comitiva torriense teve ainda a possibilidade de visitar a Secretaria da Cultura, onde foram recebidos pelo Secretário da Cultura, Geraldo da Silva Filho, e pela presidente da FUNDART, Edelvani Fioco. As visitas continuaram pelo SESC, um equipamento cultural e de lazer daquela cidade brasileira; pela UNESP – Universidade de Letras, na qual lecionou Jorge de Sena; Ribeirão Preto, onde se deslocaram a vários espaços ligados às artes; e ao SESC Pombeia, em São Paulo, um dos principais pólos de cultura e lazer do Brasil e uma referência a nível mundial.

A Vereadora Ana Umbelino, que acompanhou esta ação de intercâmbio, estreitou relações institucionais e foi recebida pelo Prefeito do Município de Araraquara, Marcelo Barbieri.

Com a deslocação desta comitiva torriense ao Brasil foi possível aprofundar o intercâmbio cultural e artístico entre Torres Vedras e Araraquara, estimular a partilha de conhecimentos no âmbito da valorização cultural e promover um maior contacto entre as comunidades artísticas dos dois municípios.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here