publicidade

O Movimento Cívico – Unidos por Torres Vedras defende que as freguesias são “o órgão autárquico que está na primeira linha de defesa dos cidadãos” e, por isso, uma das grandes missões é dar maior representatividade às freguesias nos Órgãos de Poder e mudar o seu modelo de governação com a Câmara.

Para Sérgio Galvão, candidato à presidência da Câmara Municipal pelo Unidos, o Movimento tem todas as cores e está assente numa política de boas práticas. Não apresenta candidatos para todas as juntas de freguesia, mas considera que o futuro passa por elas. “Unidos pelas Freguesias, Unidos pelas Pessoas, Unidos pelo Concelho” é o mote para salientar que as 13 freguesias terão os seus representantes na Câmara ou na Assembleia Municipal. “A par com o Presidente de Junta de Freguesia eleito pelos munícipes, com quem o Movimento trabalhará, durante todo o mandato através de uma articulação com a Câmara Municipal baseada na confiança, na competência e na proximidade, haverá uma ligação constante com os embaixadores, em prol do bem estar das freguesias que representam e, acima de tudo, da segurança das pessoas”, pode ler-se em comunicado enviado às redações.

Sérgio Galvão afirma que “Felizmente, são muitas as pessoas dispostas a trabalhar, e bem, nas freguesias, mas o executivo da Câmara Municipal tem de dar meios e diminuir a dependência central, para que esses homens e mulheres possam executar os projetos que garantem os melhoramentos na qualidade de vida e na identidade de cada uma das comunidades presentes nas nossas freguesias.”

Em representação da Ponte do Rol, o Movimento apresenta os embaixadores Tiago Duarte, candidato à Câmara Municipal, e
Andreia Caldas, candidata à Assembleia Municipal, ambos nascidos em Torres Vedras e residentes nesta freguesia.

Tiago Duarte tem 46 anos, é casado e tem 2 filhos. Foi escuteiro, fez parte da direção da Casa da Cultura da Ponte do Rol, foi
fundador e Presidente da Delegação da Cruz Vermelha de Torres Vedras, durante 4 anos, e é, atualmente, o Presidente da Associação Oceanos sem Plásticos e o responsável de Angariação de Fundos da Associação Salvador, a maior instituição portuguesa na área da deficiência motora. Licenciado em Relações Públicas e Publicidade, foi diretor de marketing do Grupo Toitorres e de vários centros comerciais.

Andreia Caldas tem 39 anos, é licenciada em Ensino Básico – 1.º ciclo e leciona, desde 2018, na escola Mundo da Criança. Foi sempre um elemento ativo na organização de atividades na freguesia de Ponte do Rol, pertenceu à Junta de Freguesia, como vogal e como elemento da Assembleia de Freguesia, fez parte da direção do Grupo Desportivo Recreativo Cultural Ponterrolense e foi elemento fundador da Banda Musical da Juventude Ponterrolense, onde foi executante de trompa de harmonia. Sendo as crianças uma das suas paixões, organizou várias atividades de ocupação de tempos livres na freguesia, criando a primeira “Colónia de férias – Aprender a Brincar”. Pertenceu ao grupo de teatro do Académico de Torres Vedras, onde foi também elemento diretivo.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here