Voluntários dinamizaram limpeza e plantação de espécies autóctones
publicidade

As margens da Ribeira da Conquinha, afluente do Rio Sizandro, foram alvo de uma ação de voluntariado no passado dia 29 de dezembro. A intervenção, que decorreu no troço junto ao Barro, consistiu na limpeza e remoção de infestantes (como canas e silvas) e na plantação de cerca de 100 espécies autóctones (como choupo, freixo, amieiro, salgueiro, ulmeiro, tamargueira e carvalho-alvarinho).

A iniciativa insere-se no âmbito do “Projeto ReFlorestar Torres Vedras”, que tem como objetivo promover a reflorestação e renaturalização do Concelho e que conta com o apoio da Câmara Municipal. O projeto enquadra-se na campanha “Autarquias sem Glifosato”, promovida pela Associação Quercus em coordenação com a Associação Portuguesa de Educação Ambiental, através do “Projeto Rios”, a Associação Live With Earth e vários cidadãos torrienses.

A intervenção levada a cabo neste troço da Ribeira da Conquinha pretende dar seguimento à estratégia de implementação de corredores ecológicos ao longo das principais linhas de água que tem vindo a ser realizada pela Câmara Municipal, nomeadamente no Parque Verde da Várzea e na Vala dos Amiais.

publicidade

Artigo anteriorQuase uma centena de bens angariados na campanha #apoiaradobrar do Cowork Torres Vedras
Próximo artigoOE2020: Todas as urgências terão de ser reanalisadas este ano – Ministra da Saúde
Redação
O TORRES VEDRAS WEB é um website de informação, notícias e recursos sobre a cidade, concelho de Torres Vedras e da atualidade em geral. A tua cidade online!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui