“Workshop” sobre a gestão de áreas protegidas decorreu em Torres Vedras
publicidade

Durante os cinco dias de workshop realizaram-se várias conferências e debates, com intervenções de especialistas nacionais e internacionais.

O Centro de Educação Ambiental de Torres Vedras acolheu, entre os dias 1 e 5 de novembro, o Workshop Internacional “Métodos Inovadores para a gestão de áreas protegidas em contexto mediterrânico”.

Esta iniciativa teve como objetivo promover a reflexão e a partilha de conhecimentos, recorrendo a métodos inovadores para integrar a conservação da natureza e os objetivos socioeconómicos nos desafios das áreas de paisagem protegida mediterrânicas.

Durante os cinco dias de workshop realizaram-se várias conferências e debates, com intervenções de especialistas nacionais e internacionais, e ateliers de trabalho que envolveram os participantes, entre os quais estavam 15 estudantes de pós-graduação originários de três universidades de países mediterrâneos.

A Paisagem Protegida Local das Serras do Socorro e Archeira – PPLSSA foi utilizada como caso de estudo para a elaboração de propostas, no âmbito do planeamento e gestão sustentável nos próximos 10 anos. As propostas desenvolvidas incluíram conteúdos para um futuro plano de gestão, potenciais formas de recreio e lazer baseadas no turismo da natureza e cultural, e o branding e marketing da paisagem protegida.

O workshop foi encerrado com a apresentação dos resultados do trabalho na presença do presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardes, e do representante do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, David Gonçalves.

Este evento faz parte de um ciclo de três workshops, organizados pela Universidade de Lisboa, a Universidade de Chieti – Pescara “G. d’Annunzio” e a Universidade Autónoma de Barcelona, sobre os temas da conservação e gestão de paisagens protegidas em contextos mediterrânicos. A comissão científica organizadora é composta pelos professores Rosário Oliveira, da Universidade de Lisboa, Massimo Angrilli, da Universidade G. d’Annunzio, e Francesc Muñoz, da Universidade de Barcelona.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here